Imóveis construídos em Área de Proteção Ambiental em Arraial do Cabo, RJ, são demolidos

55

Uma operação para reprimir construções irregulares em uma Área de Proteção Ambiental em Arraial do Cabo, na Região dos Lagos do Rio, foi realizada nesta sexta-feira (1º).

A ação na APA de Massambaba, que faz parte do Parque Estadual da Costa do Sol, encontrou imóveis construídos, poços artesianos e cercas de loteamento no local.

A operação contou com 21 agentes entre guarda-parques administrados pelo Inea e policiais do Comando de Polícia Ambiental (CPAm) e do Batalhão da PM de Cabo Frio.

O trabalho foi realizado em ação conjunta entre a Secretaria de Estado do Ambiente e Sustentabilidade (Seas) e Instituto Estadual do Ambiente (Inea), com apoio da Coordenadoria Integrada de Combate aos Crimes Ambientais (Cicca) e da Coordenadoria Geral de Fiscalização (Cogefis).

Os agentes demoliram seis casas, uma fundação de casa e destruíram mourões, cercas de lotes e também encontraram três poços artesianos.


Imóveis irregulares são demolidos em Arraial do Cabo, no RJ — Foto: Divulgação/Inea

Segundo a Polícia Ambiental, a operação ocorreu em uma área de 7500 metros quadrados e 100 metros de profundidade.

Durante a ação também foram encontrados 30 focos de incêndio. A polícia também desfez um estacionamento em uma faixa de areia que pertence à Marinha, na localidade de Monte Alto.

Ninguém foi preso na operação. De acordo com a Polícia Ambiental, algumas casas estavam habitadas e não foram demolidas. As famílias estão sendo alertadas sobre as irregularidades e o Ministério Público Estadual está movendo uma ação sobre o caso.


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor coloque seu comentário!
Por favor coloque seu nome aqui