BOMBA! Marquinho Mendes Pode conseguir na justiça a anulação da eleição suplementar para retornar á prefeitura de Cabo Frio

77

Será que Cabo Frio vai repetir a situação de Búzios, de tremenda instabilidade política? Pois é, pelo que foi divulgado nesta terça-feira (28) no Blog História, Música e Sociedade – popularmente conhecido como “Blog do Prof. Chicão” -, há sim a possibilidade.

Segundo o Prof. Chicão, “Marquinho Mendes foi cassado sem ter sido condenado no TRE. Seguindo este entendimento, Marquinho Mendes não teria sido condenado na Aime – Ação de Impugnação de Mandato Eleitoral, mas apenas cassado pela Aije – Ação de Investigação Judicial eleitoral. Ou seja, Marquinho não foi condenado na Aime e nem na Aije mas foi cassado pela segunda. A tese apresentada mostra que inelegibilidade seria consequência à condenação, mas esta não ocorreu. O TSE não poderia cassar mandatos sem uma condenação, pois isto feriria dois parágrafos do artigo 16 da Constituição Federal.”

Caso o STF aceite este recurso e o julgue procedente, o registro de Marquinho Mendes seria devolvido e, consequentemente, sua cassação se tornaria sem efeitos.

Com a volta de Maquinho Mendes, a prefeitura de Cabo Frio terá um grande mudança princialmente nas Secretarias. Marquinho foi o mais votado nas eleições para prefeito de Cabo Frio, em 2015, com 44.161 votos. A candidatura dele estava indeferida com recurso, e por isso os votos estavam suspensos até a decisão da Justiça Eleitoral.

A eleição suplementar foi convocada pelo TRE-RJ depois que o então prefeito, Marquinho Mendes (MDB), teve o registro de candidatura cassado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) por abuso de poder econômico e político. A cassação foi no fim de abril.

Dr. Adriano (REDE)venceu a eleição suplementar para prefeito de Cabo Frio, ele teve 34.529 votos.

Agora cabe esperar toda essa situação pois as chances de Adriano sair da prefeitura de Cabo Frio, são muitas.

Maquinho Mendes está muito confiante e falou que acredita na justiça que tudo será provado e que seus advogados está trabalhado muito para provar todas essa situação, o mesmo informou que, se voltar será uma honra até por que ele foi eleito pelo povo em 2016.