Câmara de vereadores de Cabo Frio aprova reforma administrativa

48

Câmara Municipal de Cabo Frio aprovou nessa terça-feira (11/06) a reforma administrativa da Prefeitura de Cabo Frio que, entre outras coisas, aumenta de 13 para 17 o número de secretarias municipais na estrutura do município, além de criar 1225 cargos comissionados, entre eles, 105 superintendências, 145 cargos de supervisor, 138 de coordenador e 121 de chefes de departamentos, com salários que superam os R$ 2 mil e chegam até R$ 8.650,95 no caso dos secretários.

O impacto anual na folha de pagamentos é de R$ 44 milhões.

Mesmo assim, o município afirma que está economizando recursos e contendo gastos, aliás, essa foi a justificativa dada para o corte, por decreto, de mais de mil contratos no dia 28 de maio.

Grande parte dos servidores continuaram trabalhando na Prefeitura, mesmo sem os salários por esses mais de 10 dias, sob a promessa que seriam reaproveitados na nova estrutura criada pela reforma administrativa.

Na ocasião da emissão do decreto, a Prefeitura deu a seguinte justificativa: “A medida tem o objetivo de auxiliar financeiramente o enfrentamento da grave situação financeira em que se encontra o nosso município. Por esta razão solicito que os senhores comuniquem o fato aos servidores, na segunda feira, a fim de amenizar o transtorno que a medida certamente causará na vida de cada um”, diz o texto.

A bancada de apoio ao governo aprovou o projeto, com apenas três votos contrários e duas emendas, que não chegam a influenciar no conteúdo do projeto: uma supressiva e uma aditiva.

Agora o texto vai à sanção do prefeito Dr. Adriano Moreno para poder ser publicada no Diário Oficial do município e, aí sim, o município poder fazer a nomeação de todos os mais de mil cargos criados.

O projeto é aprovado no momento em que a Prefeitura de Cabo Frio enfrenta uma greve dos professores e acaba de ter decretada uma greve geral dos servidores públicos, a partir do dia 17 de junho, justamente por conta de atrasos salariais.

Fonte: Plantão dos Lagos