Carreta da saúde oferece testes gratuitos de Hanseníase em Macaé

44

Uma ação do projeto Roda Hans oferece testes gratuitos de Hanseníase em Macaé, no interior do Rio, até as 15h desta sexta-feira (30). A campanha está ocorrendo na Praça Washington Luiz. No local, onde está a carreta da saúde, é feita a avaliação clínica dos pacientes.

De acordo com a Prefeitura de Macaé, se o diagnóstico for positivo para a doença, o paciente é encaminhado imediatamente para o tratamento e já sai com os medicamentos em mãos, já que a carreta possui uma farmácia própria.

A ação começou nesta quinta-feira (29) e teve a participação dos moradores da cidade, como o motorista Adalberto de Souza, que aproveitou pra tirar dúvidas sobre manchas que apareceram nas pernas há um ano.

“Vi a carreta e decidi aproveitar para fazer uma consulta com o especialista e saber o que elas são. Elas não doem mas, esteticamente, me incomodam muito”, disse.

De acordo com o coordenador do Programa de Vigilância e Controle e também professor do curso de Medicina da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Maurício Zampieri, o tratamento da Hanseníase é feito por meio de antibióticos e pode durar de seis meses a um ano.

“No entanto, o paciente deverá ser acompanhado por cinco anos para verificar se a doença foi eliminada. É bom ressaltar que os familiares também devem ter acompanhamento médico. A doença não mata, mas traz alterações motoras”, disse Maurício.

Segundo o município, quem não puder participar da ação nesta sexta, poderá esclarecer dúvidas sobre a doença no Centro de Saúde Dr. Jorge Caldas, onde funciona o Programa de Vigilância e Controle. O local funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.