Colunista Tássia Romão / Cerimonial de Casamento: Planejamento é a chave!

Compartilhar

Administradora, esposa do Sérgio, mãe da Sofia, Enzo e Laura e…. Cerimonialista! Há 6 anos no mercado com foco total em casamentos, e com mais de 150 eventos realizados, sempre digo que minha missão vai muito além de organizar cerimônia e recepção. O grande desafio é entender as expectativas do casal, aliá-las à realidade do budget disponível e a partir daí definir todas as etapas necessárias para a realização desse sonho. Etapas essas que passam por planilhas, e-mails infinitos, visitas técnicas a fornecedores, definição de roteiro para o grande dia, dentre outros inúmeros serviços que talvez você nem sabia da necessidade, mas que são extremamente importantes para gerenciar e garantir um evento de sucesso, e esse é o meu trabalho.Resumindo, minha missão é transformar o ideal de casamento em realidade, sendo fiel aos detalhes do casal, aos valores da família, e proporcionando a acolhida carinhosa à cada convidado.

Mas sobre o trabalho e a importância do cerimonial falo na próxima coluna!Hoje vim apenas me apresentar, pois além de todas aquelas funções que mencionei lá em cima, agora sou também COLUNISTA deste SITE que não para de crescer, e será uma honra estar aqui, dividindo com vocês algumas dicas que considero importantes sobre o grande dia. Mais sobre mim? Acredito em Deus e na família acima de tudo! Pra mim, isso é a base e o porto seguro de cada ser humano. Acredito na força do pensamento positivo e no poder curativo do amor! Espero que, além de dicas sobre casamento, eu possa espalhar amor por aqui também!!!

Prazer,Tássia Romão

Qualquer orquestra necessita de um maestro, certo?

Em um casamento também é assim. Para que seu grande dia seja como uma orquestra bem conduzida, a figura da cerimonialista e assessora do evento são indispensáveis. São muitos detalhes, e muitos ideais envolvidos em cada um deles, por isso ter uma pessoa que além de entender esses detalhes, saiba como organizá-los de forma prática, de acordo com tudo o que foi idealizado pelo casal, faz toda diferença.

Mas sempre digo que é uma via de mão dupla: a (o) cerimonialista precisa da sua ajuda pra fazer dar certo… Você precisa dividir suas ideias e passar TODAS as informações, além de seguir o planejamento mês a mês traçado por ela (e).

Nada de ficar perdida no mar de idéias do instagram e do pinterest… Antes de tudo, TENHA FOCO!

Defina uma data: lembrando que se deseja casar ao ar livre, no pôr do sol, alguns meses são mais recomendados por terem menos incidência de chuva e vento, como outubro, novembro, março, abril.

Defina a quantidade de convidados:isso vai impactar diretamente no seu orçamento. Não se preocupe em convidar pessoas por consideração, mas preze por ter no seu grande dia quem realmente faz parte da sua história e você sabe que vai vibrar com a sua felicidade. E se os pais estiverem ajudando na organização, lembre-se de que eles têm direito a uma cota de convites.

Então, faça uma lista com todas as pessoas importantes, e uma cota de 10% extras. Esses 10% são a margem de falta que você provavelmente terá no dia. Lembre-se que você vai pagar buffet, bolo, doces, convites, lembranças..tudo por pessoa, então coloque nessa lista quem realmente for especial. Mesmo que ela mude daqui até lá, já é uma base.

Defina um orçamento: quanto você pode dispor financeiramente daqui até a data escolhida? Para saber, some seus ganhos mensais junto com os de seu noivo (a), e multiplique pelo número de meses subsequentes ao casamento, depois acrescente a ajuda financeira dos pais (se for possível e eles destinarem algum valor mensal, ou uma quantia fixa pré estabelecida). Aí você já vai saber quanto vai poder gastar daqui até lá.

Defina um conceito: Casamento ao pôr do sol? Cerimônia religiosa na Igreja que você freqüenta desde sempre? Prefere vista pro mar ou salão confortável com ar condicionado? Muitas horas de festa ou apenas um jantar? Isso, você já sabe quais são as suas prioridades e que começar a pesquisar… Salve referências numa pastinha, você vai usar muito essas referências!

Comece a escolher os profissionais que farão parte do seu grande dia: O primeiro quesito é, óbvio, PROFISSIONALISMO! Busque referências sobre o trabalho dele, se está começando agora ou se tem anos de estrada, se é especialista na área em que atua, se é pontual na entrega do seu trabalho.

Você encontra isso fácil através de depoimentos de outros casais nas redes sociais. Depois, peça um orçamento. Cabe no que você pode pagar? Então marque uma reunião para conhecê-lo pessoalmente, ou mesmo uma chamada de vídeo. Teve empatia? Sentiu segurança? Então contrate! O profissional certo para o seu casamento é aquele que entende o que você quer, sonha junto com você e entrega tudo aquilo que promete!

Esses são os primeiros passos para uma organização tranquila, e um casamento de sucesso, onde vocês Noivos, Amigos e Familiares, terão tranquilidade e viverá um dia inesquecível.

Espero ter ajudado, mas se ficou alguma dúvida sobre, é só comentar aí embaixo que eu respondo ok?

Grande beijo e até a próxima coluna!

Comentários