Colunista Elisângela Dias / Prego que se destaca, toma martelada!

Compartilhar
Colunista Elisângela Dias

Já diz o ditado, que por sua vez é chinês (lindos são os chineses que sabem o seu lugar no mundo e não questionam isso), prego que se destaca, leva martelada. “Se você se destacar, estará sujeito a críticas”.

O destaque em si, não esta relacionado a ser melhor ou ser pior, o destaque está no desempenhar de suas atividades dentro daquilo que é determinado que você irá fazer, seja no âmbito pessoal ou profissional.

Ao entender que para que uma madeira esteja pregada na parede, todos os pregos devem estar devidamente martelados, o prego identifica seu lugar na madeira e quando este se destaca é martelado até não se destacar mais ou seja para ter uma vida de destaque e excelência você primeiro tem que se identificar mesmo sabendo que vai ter quer ser firme e não se deixar levar pelos martelos da vida que estarão sempre fazendo de tudo para ver você não seja identificado em nossa sociedade.

Desde que me entendo por gente, vejo o quanto é difícil se destacar neste mundo tão competitivo e cruel, onde muitos fazem coisas terríveis para se destacar, para ter os holofotes virados pra si, chega a ser desumano e assustador o que fazem para conquistar o topo.

E a partir do momento que não conseguem, ficam frustrados, amargos e passam a perseguir e diminuir aquele que esta do seu lado se destacando.

Você apresenta um trabalho na faculdade, recebe elogios do professor e em vez de reconhecer seu esforço, a turma inveja suas conquistas.
Em uma reunião na empresa, a liderança faz elogios sobre sua atuação e intrinsecamente, há pessoas remoendo de ódio.

Não há como negar a existência de pessoas que, ao contrário de contribuir com o desenvolvimento profissional, optam em bloquear seu crescimento com a disseminação de fofoca discórdias, preguiça e ações de continuamente torcer contra! Pessoas que ao contrário de somar, aplicam na prática a negatividade de martelar idéias e o brilho do seu sucesso.

É incrível a capacidade de articular situações para fazer o mal e como ficam felizes com a derrota e o fracasso de alguém, tudo para que a pessoa se sinta diminuída e recue sentindo se inferior.

Quem martela, acaba esquecendo as cicatrizes que deixa nas relações interpessoais e na capacidade de contribuir e evoluir com o próprio crescimento humano.

Conclusão: das duas uma, ou você aceita seu lugar na madeira e é martelado, ou você vira o martelo e faz com que a madeira fique pregada a parede, o problema é que nem sempre o prego tem capacidade de martelar, assim como o martelo não tem capacidade de ser pregado.

Mas a aqueles que não se deixa abater pelas palavras e atitudes dos maus e buscam crescer com os desafios da vida e passam a se manter firme podendo ate envergar, mas não se render.
Ache seu lugar no mundo para depois saber se você tem que se destacar ou não. O sucesso faz barulho, então se prepare para a inveja e as criticas, seja como um prego de boa qualidade quanto mais martelado, mais firme fica.

Elisangela Dias – Diplomata Civil Capelã
Fundadora do Instituto Fome de Pão Sede de Deus
Assessoria 3° setor

Comentários