Polícia prende acusado de perseguir, atropelar e matar motociclista por causa de esbarrão em retrovisor no em Rio das Ostras

44

A Polícia Civil de Mato Grosso prendeu nesta sexta-feira (17) o homem acusado de perseguir, atropelar e matar o motociclista David Pires, de 20 anos, por causa de um esbarrão no retrovisor do carro. O crime aconteceu em fevereiro de 2019 em Rio das Ostras (RJ).

De acordo com testemunhas, David seguia de moto pela Rodovia Amaral Peixoto e após esbarrar no retrovisor do carro do suspeito chegou a pedir desculpas. Porém, depois, segundo a polícia, o homem começou a seguir a vítima e, na altura do fórum da cidade, jogou o carro em cima do motociclista.

David bateu em duas árvores e morreu na hora. De acordo com o delegado responsável pelo caso, Ronaldo Cavalcante, o acusado estava morando em Cuiabá, onde trabalhava como chaveiro.

A delegacia de Rio das Ostras já pediu a transferência do suspeito para o Rio de Janeiro, mas ainda não há previsão de quando isso vai acontecer.

O homem vai responder por homicídio doloso (quando há intenção de matar) por motivo fútil. O caso foi enquadrado como crime hediondo. A pena pode ser de até 30 anos de prisão.