Rodrigo critica Vasco em vídeo após derrota para Cabofriense: “Se for o que eu vi, eu jogo tranquilo”

Compartilhar

A torcida que compareceu em São Januário não foi a única que ficou inconformada com a derrota por 1 a 0 para a Cabofriense, em jogo retomado na manhã desta sexta-feira, pela Taça Guanabara.

Em vídeo publicado nas redes sociais, o ex-zagueiro Rodrigo também criticou a atuação cruz-maltina e disse que, mesmo aposentado desde o fim de 2017, tem condições de jogar no time diante do nível do que viu em campo.

– Deixa eu falar uma coisa. É isso mesmo que eu vi às 11h. Se for o que eu vi, pode me contratar de novo. A dívida que o clube tem comigo, é só fazer um acerto até o fim do ano, vai me pagando como salário, e eu volto a trabalhar, a jogar. Se for o que eu vi, eu jogo tranquilo, tranquilo.

Com 171 jogos e 18 gols entre 2014 e 2017, Rodrigo criou uma forte identificação com o Vasco e até hoje tem moral com a torcida. Prova disso é que muitos comentários na publicação do vídeo aprovam um eventual retorno dele, tratando Rodrigo como “mito” e “xerife”.

Atualmente com 39 anos, Rodrigo encerrou a carreira pela Ponte Preta, onde ficou marcado pela expulsão infantil na derrota por 3 a 2 para o Vitória, quando “introduziu o dedo médio nas nádegas de Trellez”.

A Macaca vencia o jogo por 2 a 0, mas, com um a menos, levou a virada, e o resultado sacramentou o rebaixamento à Série B com uma rodada de antecedência.

Comentários