Sargento Bruno Bernardo esclarece matéria veiculada na imprensa e afirma que a mídia de esquerda coloca bandidos como heróis e policiais como bandidos!

237

O sargento da polícia militar Bruno Bernardo afirmou hoje em entrevista ao Rlagos que a imprensa não apurou os verdadeiros fatos e noticiou um fake news sobre uma suposta extorsão ao traficante Emerson morto em confronto com a polícia e principal suspeito da morte do SGT PM Ricardo.

Bruno afirma que em depoimento no Conselho Disciplinar da PM o traficante sequer o reconheceu e que o conselho por unanimidade reconheceu a sua inocência e que nunca houve qualquer Registro de Ocorrência na Delegacia sobre o caso:

” Essa mídia de esquerda quer desmoralizar a polícia, quer transformar bandidos em heróis e policiais em bandidos, há uma inversão de valores” para mim o herói é o Sgt Ricardo morto em confronto e não o traficante que o matou” Servi no Bope e sempre cumpri a minha missão, nunca teria acordo com vagabundo, ainda mais, assassino de policial”. Afirmou Bruno Bernardo.

O policial acionou o seu advogado que irá pedir direito de resposta e tomará providências quanto as matérias que segundo ele não são comprometidas com a verdade.

Abaixo segue o depoimento dado pelo Traficante Emerson no Conselho Disciplinar da PM e que afirma que não conhece o SGT Bruno Bernardo: