Prefeito de Cabo Frio Adriano Moreno assina decreto para fechar Comércios da cidade

Compartilhar

Prefeito de Cabo Frio, Dr. Adriano (DEM), assinou agora há pouco um decreto determinando o fechamento dos comércios da cidade, com exceção de supermercados, açougues, farmácias, peixarias e similares.

O Decreto n° 6.214/2020 tem passa a vigorar imediatamente e a princípio tem duração de 15 dias, podendo ser prorrogado conforme a necessidade.

Mais cedo, a Associação Comercial da cidade, a ACIA, já havia feito a solicitação formal à Prefeitura e aos comerciantes.

A iniciativa visa prevenir o COVID-19 na cidade, que possui 6 casos suspeitos e ainda nenhum confirmado.

Uma reunião do Gabinete de Crise da Prefeitura aconteceu na tarde desta sexta-feira onde novas medidas foram tomadas para conter o avanço do Covid-19.

O reunião decidiu as seguintes medidas:

  • Os estabelecimentos comerciais deverão manter fechados os acessos do público ao seu interior;
  • O decreto não se aplica às atividades internas dos estabelecimentos comerciais, bem como à realização de transações comerciais por meio de aplicativos, internet, telefone ou outros instrumentos similares e os serviços de entrega de mercadorias (delivery);

A suspensão do decreto não se aplica aos seguintes estabelecimentos:

  1. farmácias;
  2. hipermercados, supermercados, mercados, açougues, peixarias, hortifrutigranjeiros, quitandas e centros de abastecimento de alimentos;
  3. lojas de venda de alimentação para animais;
  4. distribuição de gás;
  5. lojas de venda de água mineral;
  6. padarias;
  7. postos de combustíveis

Todos estes estabelecimentos deverão intensificar as ações de limpeza, disponibilizar álcool em gel aos seus clientes e divulgar informações acerca da Covid-19 e das medidas de prevenção.

A Prefeitura de Cabo Frio segue o exemplo de diversas Prefeituras do país, como a de São Paulo, que também determinaram o fechamento de comércios e a quarentena das pessoas em casa.

Comentários