Chefe da facção criminosa da comunidade do Manoel Corrêa “Vulgo Vela” e mais dois suspeitos morrem em confronto com a PM em Cabo Frio

Compartilhar

Uma Operação contra o tráfico de drogas na tarde de sexta – feira (22), deixou três mortos, e um preso na comunidade do Manoel Corrêa, (Favela do Lixo) em Cabo Frio.

De acordo com a PM, a operação foi realizada para prender uma quadrilha organizada do tráfico de drogas, após informações privilegiadas os policias foram até as Dunas, onde realizaram um cerco tático e estratégico para prender todos os integrantes.

Ainda de acordo com a PM, mais de 8 suspeitos ao verem a viatura policial entrando na comunidade, começara a atirar, os agentes desembarcaram da viatura onde revidaram a injusta agressão.

Jair Francisco Dias Ferreira Junior “Vulgo Vela” morreu no confronto com mais dois integrantes de sua facção, Vulgo Bruninho e o outro não identificado.

Vela foi preso no dia 25 de Abril de 2019, após uma operação da policia civil e militar denominada em Reza Vela, onde prendeu Vela e sua quadrilha.

Na época eles foram presos em um barco de luxo na Praia dos Anjos em Arraial do Cabo.

Vela foi solto no dia 16 de março de 2020, de acordo com a 126ª DP uma semana após sua soltura havia um mandado de prisão contra ele.

Na noite de quinta-feira (21), policias do GAT receberam informações, que Vela ia distribuir drogas dentro da comunidade, os agentes foram até o local mais o mesmo fugiu ao ver os policias, deixando mais de 1300 pinos de cocaína para trás, sendo apreendido pela guarnição.

Os corpos dos três jovens, foram levados para o IML de Macaé, a perícia de Cabo Frio esteve no local.

Armas e drogas foram apreendidas, sendo três presos, onde foram autuado no artigo 33 tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo no fato análogo.

A ocorrência foi registrada na 126ª DP de Cabo Frio.

Comentários