Escândalo | Servidor da prefeitura que recebeu auxilio ilegalmente terá que devolver o dinheiro em Cabo Frio

A policia federal esteve na sede da empresa

112

Funcionários da COMSERCAF – Companhia de Desenvolvimento de Cabo Frio – e da Prefeitura de Cano Frio que receberam, irregularmente, o auxilio emergencial de R$ 600 Reais terá que devolver.

A Polícia Federal a esteve na sede da empresa no início da semana e recomendou ao presidente, Dário Gagliardi, que notifique os servidores que receberam o auxílio indevidamente a devolver os valores.

A solicitação e o recebimento do benefício, com base em declaração de informações falsas, pode caracterizar os crimes de falsidade ideológica e estelionato.

Em nota a empresa disse que:

A Comsercaf enviou uma nota para a redação informando que “a Polícia Federal realizou diligências na sede da autarquia para buscar informações de um determinado funcionário tão somente para regularização do cadastro em procedimento específico”.
Informou ainda que recebeu um ofício do Tribunal de Contas do Estado (TCE) informando que 80 servidores receberam o mencionado auxílio e que os dados do CadÚnico não coincidiam com os dados devidamente atualizados, e não o número que havíamos informado.

Fonte: Radio Litoral