Mulher passando mal deita no chão da UPA enquanto um circo de quebra pau acontece dentro da unidade hospitalar de Cabo Frio “veja o vídeo”

Compartilhar

Um vídeo que circulou nas redes sociais mostra uma grande confusão entre um grupo de pessoas e seguranças da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Parque Burle, em Cabo Frio, na Região dos Lagos do Rio, na madrugada deste sábado (8).

Nas imagens, é possível ver uma mulher deitada no chão, perto das cadeiras de atendimento, e pelo menos três homens e dois seguranças em uma briga corporal.

Segundo a secretaria de Saúde de Cabo Frio, a briga começou por volta das 3 horas da manhã depois que três homens levaram uma mulher para ser socorrida. O grupo teria participado de uma reunião social e ingerido bebidas alcoólicas.

Ainda segundo a Prefeitura, o grupo estava alterado e tentou burlar o procedimento padrão de acolhimento de pacientes.

No momento do atendimento da paciente, outros dois homens teriam tentado entrar no consultório médico e então um dos seguranças solicitou que apenas a paciente e um acompanhante continuassem no local.

Nesse momento, o segurança teria sido agredido com um soco no rosto. De acordo com a secretaria de Saúde, após ver a briga, a paciente saiu do consultório e também agrediu o funcionário.

Um segundo segurança, que estava na tenda de triagem, entrou na UPA para tentar defender o colega. Os acompanhantes da paciente teriam ficado mais agressivos e então os seguranças reagiram.

A Prefeitura informou que o segurança foi ameaçado de morte e se dirigiu, na tarde deste sábado, para a delegacia de Cabo Frio para o registro da ocorrência. Outros funcionários da unidade que presenciaram a briga foram testemunhas.

O município informou que as imagens do circuito interno serão entregues para a polícia para ajudar a investigar o caso.

Por meio de nota, a Prefeitura de Cabo Frio destacou que a paciente foi atendida imediatamente e que não havia falta de profissionais na unidade.

Comentários