Prefeito eleito Eduardo Paes descarta isolamento total no Rio: ‘Extremo e desnecessário’

35

O prefeito eleito da cidade de Rio de Janeiro, Eduardo Paes (DEM), disse nesta segunda-feira que descarta a possibilidade de decretar um novo lockdown na capital por conta da segunda onda da covid-19. O novo chefe do executivo afirmou, em entrevista à jornalista Andréia Sadi, da GloboNews, que tomar medidas mais severas, como isolamento social total, seria “extremo e desnecessário”. 

“A princípio eu descarto sim o lockdown. É importante que a gente tenha medidas muito mais do ponto terapêutico. Inaceitável que as pessoas adoeçam e não tenham um leito disponível em um hospital público”, disse Paes, que prosseguiu. “Não dá pra gente pedir para as pessoas aquilo que elas não vão fazer. Então, o lockdown parece uma medida extrema e desnecessária”. 
 

Eduardo Paes está reunido com o futuro secretário de Saúde, o médico sanitarista e pesquisador Daniel Soranz, que esteve à frente da pasta em sua gestão.

O novo prefeito disse que pretende dialogar com o governo federal para combater o avanço da pandemia.

“Não tive apoio do presidente Bolsonaro nas eleições. Ele apoiou a candidatura do Crivella, mas a eleição acabou ontem às cinco horas da tarde. Foi o que eu disse a campanha inteira, vamos trabalhar em parceria institucional com o governo federal. O presidente Bolsonaro é do Rio, tem um monte de pessoas importantes em Brasília que são do Rio. O Rio precisa de ajuda neste momento”, reforçou o prefeito eleito à jornalista.

Sobre a questão da vacina da covid-19, o prefeito eleito disse que irá usar a vacina autorizada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). “Eu quero qualquer vacina. Quero àquela que a Anvisa autorizar, não importa de onde seja”.

Paes falou sobre a segurança na cidade e disse que pretende armar um pequeno grupo da Guarda Municipal. “É importante que a gente tenha um grupo pequeno de guarda sendo treinado de maneira adequada. Isso vai ser um processo gradual e com muito treinamento”, disse.

O novo prefeito da capital atende às 14h desta segunda-feira (30) a imprensa em sua base de campanha em Botafogo, na Zona Sul.