Prefeito, Vice Prefeito e líder religioso flagrados comprando voto na cidade de Palma, na Zona da Mata Mineira, em Minas Gerais;

192

A ação de investigação Judicial Eleitoral de cassação da chapa vai ser nesta semana

 Foi ajuizada na Comarca de Palma – MG uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral que pede a cassação do Prefeito reeleito Hiram Vinicius Mendonça Finamore, eleito pelo partido PL por acusação de compra de votos.  

Um vídeo e um áudio, demonstram o Prefeito reeleito comprando votos durante o período eleitoral, no bairro Parque das Palmeiras, na peque na cidade de Palma, na Zona da Mata Mineira, em Minas Gerais. 

Nas imagens é possível ver o Prefeito oferecendo benefícios e entregando dinheiro a um eleitor em troca de votos dentro de uma residência na cidade. 

Segundo relato de moradores, o Prefeito reeleito e seu vice João Batista, conhecido como “João do Capoeirão” circulavam durante a campanha nas residências do referido bairro, onde doavam materiais de construção, botijões e gás e dinheiro em troca de votos. 

Circula também pela cidade outros vídeos e áudios, dentre eles se destaca o vídeo de um líder religioso da Igreja também realizando compra de votos em benefício dos candidatos reeleitos. A imagem mostra o religioso dentro do carro, quando uma eleitora chegou próximo ao veículo e também pegou dinheiro de sua mão e correu para o interior da sua residência. 

E ainda áudios de funcionários contratados coagindo eleitores para obter votos, fatos que também serão apurados pelo Ministério Público Eleitoral.

O vídeo e áudio se encontram em poder da Justiça Eleitoral e do Ministério Público Eleitoral da 201ª Zona Eleitoral desta Comarca, já estando designada audiência de instrução e julgamento para sexta- feira (11), à partir de 13 horas.