Estuprador que abusou da própria filha adolescente em Campos é preso

150

Por: Rafael Abud

O estuprador Cristiano Oliveira Rangel, que mora em Campos, foi preso nesta quarta-feira (9), na Avenida Gabriel Paiva, em Travessão de Barra, em São Francisco de Itabaopana. “Juca”, como era conhecido, foi abordado por policiais militares e, apesar de nada de errado ter sido encontrado com ele, os policiais descobriram que o jovem estava foragido da justiça por ter, segundo a justiça, estuprado a própria filha de 14 anos, cuja mãe é falecida.

Segundo a tia materna da menina, Erika Regina, contou à polícia, o estupro aconteceu dentro de um condomínio na Avenida Presidente Kenedy, no Jóquei Clube, e foi descoberto em agosto deste ano. “Ele se aproveitou de que a filha mais velha não tinha mãe para cometer o abuso. Desde então, ele fugiu e ninguém sabia para onde, mas, graças a Deus, foi encontrado hoje e espero que apodreça na cadeia”, desabafou a tia da adolescente vítima do pai, que,após a denúncia, foi ameaçada de morte por ele.

No bairro do Jóquei, Juca era bem conhecido já que, por anos, fora dono de uma pequena empresa de churrasqueiras artesanais em frente a um motel situado também Avenida Presidente Kenedy.

Além do crimes de estupro, Juca também é acusado de injúria. No momento da prisão, ele estava em um veículo modelo Citroen, que ficou apreendido. Os PMs apreenderam também o telefone celular dele, R$ 50 e o documento do carro. Ele será levado para a Cadeia Pública de Campos, onde ficará à disposição da justiça.