Os sem terras | Protesto contra desapropriação de terras termina em confusão e ônibus incendiado em Macaé

Manifestação começou por volta das 6h da manhã desta quinta-feira (4). Dois moradores foram levados para a delegacia. Um manifestante foi levado para o hospital depois de cair em um buraco durante o tumulto.

205

Moradores protestaram contra uma ação de reintegração de posse no bairro Bosque Azul, em Macaé, no interior do Rio, na manhã desta quinta-feira (4). A manifestação começou por volta das 6h da manhã e reuniu cerca de 200 pessoas.

O protesto terminou em confusão entre os moradores e agentes da secretaria de Ordem Pública e com um ônibus incendiado. Os moradores tentaram impedir a ação de desapropriação de uma área de 600 mil metros quadrados que pertence ao município.

Por conta da confusão, a Guarda Municipal acionou a polícia que deu apoio aos agentes municipais.

Segundo a PM, os policiais precisaram usar armamento não letal para conter a multidão. A polícia informou que os manifestantes estavam arremessando pedras e chegaram a fazer um cordão humano para evitar a reintegração.


Dois manifestantes foram levados para a delegacia de Macaé. Um outro manifestante caiu em um buraco na hora do conflito e foi levado de ambulância para o Hospital Público de Macaé.

Um ônibus que circulava pela localidade, a cerca de um quilômetro de distância do tumulto, foi incendiado. O Corpo de Bombeiros foi acionado para apagar o fogo. Nenhum passageiro ficou ferido.

A polícia conseguiu conter a confusão e faz buscas para encontrar quem ateou fogo no ônibus.

Comentários