Ministério fará varredura para encontrar recursos pendentes destinados a municípios fluminenses

277

Em uma reunião técnica realizada virtualmente na tarde desta terça-feira (23/03), integrantes do Ministério da Cidadania se comprometeram a fazer uma varredura para encontrar eventuais recursos de exercícios anteriores ainda pendentes nos casos dos municípios de Rio Bonito, Três Rios, Quissamã, Cardoso Moreira, Bom Jesus de Itabapoana e Campos dos Goytacazes.

A demanda foi feita pela deputada federal Clarissa Garotinho (PROS/RJ), após o secretário nacional de Inclusão Social e Produtiva do ministério, Celso Matsuda, informar que Campos dos Goytacazes tem ainda pra gastar de 2020 recursos da ordem de R$ 130 mil, que beneficiariam 27 famílias de agricultores. O dinheiro estava previsto no orçamento, mas nunca foi movimentado pela gestão municipal anterior.

“Queria colocar meu gabinete à disposição para essa intermediação. Será muito importante verificar se existem mais recursos, além desses que o ministério detectou, para podermos liberá-los para esses municípios. È um dinheiro que faz falta, principalmente em tempos como o que vivemos, com as cidades tentando se virar para encontrar verbas”, disse Clarissa.

A audiência também abriu portas para um série de negociações para Campos, especificamente. Foram acordados, entre outras coisas, o acompanhamento e liberação o mais rápido possível de emendas para a agricultura da cidade, tão logo a Lei Orçamentária Anual (LOA) do Execuitivo federal seja aprovada; e a inserção de Campos em outros programas dentro do Ministério da Cidadania, inclusive com a análise de redução de restrições impostas aos agricultores.