Eduardo Paes anuncia renovação de auxílio para ambulantes de praias

166

O prefeito do Rio, Eduardo Paes, anunciou nesta sexta-feira que vai renovar o auxílio concedido aos vendedores ambulantes das praias, que seguem com diversas restrições de circulação.

O valor de R$ 500 foi dado aos trabalhadores informais durante a parada emergencial, anunciada em 26 de março. A prefeitura liberou a reabertura de bares, lanchonetes, restaurantes e comércio não essencial, mas os informais das praias seguem sem trabalhar.

Esses, portanto, receberão mais R$ 500.Detalhes da renovação do Auxílio Carioca devem ser oficializados pela prefeitura até segunda-feira, mas Paes adiantou o anúncio durante apresentação do 14º Boletim Epidemiológico, nesta sexta.

“Devemos anunciar isso até segunda-feira, aquela ajuda que já demos aos ambulantes de praia, o comércio fixo e itinerante. Como ainda não vão poder voltar a exercer suas atividades, a gente tinha dado ajuda de R$ 500 e vamos renovar com mais R$ 500”, disse Paes. 

Para saber se terá direito ao benefício, o trabalhador deve acessar o site carioca.rio.

Veja o que voltou a abrir e o que segue fechado a partir desta sexta-feira

Prefeitura do Rio flexibilizou nesta sexta-feira as medidas restritivas para conter a disseminação da covid-19.

Na capital, algumas atividades não essenciais, como estabelecimentos e atividades comerciais poderão voltar a funcionar, mas com horários reduzidos e específicos.Bares, lanchonetes, restaurantes, quiosques da orla e congêneres poderão receber clientes sentados até às 21h, com tolerância de 1h para efetivo encerramento do atendimento.

Após esse horário, é admitido o funcionamento interno, com as portas cerradas, exclusivamente para o preparo de refeições e lanches destinados à entrega em domicílio, sendo vedado qualquer tipo de atendimento presencial ou consumo no local.