URGENTE | Ex-prefeito de Nova Iguaçu Nelson Bornier morre vítima da Covid-19

350

NOVA IGUAÇU – O ex-prefeito de Nova Iguaçu Nelson Bornier morreu na manhã deste domingo em decorrência de complicações da covid-19. Ele estava internado há mais de um mês, em um hospital na Tijuca. Nas redes sociais, Felipe Bornier, filho do ex-prefeito, deixou uma mensagem de despedida do pai.

“Pai, Você será para sempre o meu herói e minha maior referência.Você vai fazer muita falta principalmente pelo exemplo de homem que foi.Pai, a sua memória e a sua história serão sempre repetidos com amor, carinho e respeito. Você continuará eternamente presente em nossas vidas e em nossos corações. Vá em paz e daí de cima olhe por nós Te amo. #novaiguaçu #nelsonbornier”

Nelson Bornier foi eleito deputado federal pela primeira vez em 1990 e foi reeleito para mais quatro mantatos seguidos. Entrou na câmara pelo PL, mas depois passou pelo PSDB, voltou ao PL para terminar no MDB.

Em outubro de 1994, com o apoio de prefeitos da Baixada Fluminense e de municípios vizinhos, foi o quarto deputado mais votado do estado. No entanto, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RJ) anulou a eleição, devido à grande quantidade de votos em branco, e convocou novo pleito em novembro, quando Bournier foi confirmado no cargo. No mês seguinte, desligou-se do PL e ingressou no PSDB. Em fevereiro de 1995, assumiu o segundo mandato, licenciando-se imediatamente, para se manter no cargo de secretário Especial da Baixada Fluminense e Municípios Adjacentes, do governo de Marcelo Alencar. Em 1996, renunciou ao cargo para assumir pela primeira vez a Prefeitura de Nova Iguaçu no ano seguinte.