Polícia procura homem que caminhava com pitbull que atacou e matou gato em São Pedro da Aldeia

Caso aconteceu no dia 16 de abril e foi registrado por câmeras de segurança de uma casa. Imagens mostram que o homem chutou o gato enquanto cachorro o atacava. Gato era cuidado por um idoso porque a dona dele faz um tratamento contra o câncer.

340

SÃO PEDRO DA ALDEIA – A Polícia de São Pedro da Aldeia, na Região dos Lagos do Rio, está procurando um homem que aparece em um vídeo que mostra um pitbull atacando um gato em uma rua próxima à rodoviária de São Pedro da Aldeia, na Região dos Lagos do Rio. O caso aconteceu na sexta-feira (16).

As imagens mostram que o homem caminhava com outros dois rapazes quando solta a coleira do cachorro. Os outros homens também estavam segurando seus cachorros. Não é possível ver nas imagens se a ação foi intencional. Em seguida, as imagens mostram o homem caminhando tranquilamente até os animais e dando chutes no gato, enquanto o cachorro o atacava.

O gato se chamava Olaf e era cuidado por um idoso de 66 anos porque a dona do bichinho faz um tratamento contra o câncer.

O idoso que cuidava do Olaf só ficou sabendo da morte dele no domingo, dois dias depois do acontecido, quando viu a imagem da câmera de segurança.

Após ver as imagens, o idoso registrou o caso na delegacia.

A polícia ainda não tem informações sobre a identidade dos homens que aparecem nas imagens e pede que a população denuncie, caso tenha informações. Foi disponibilizado o número de WhatsApp da delegacia de São Pedro da Aldeia, que é o (22) 98831-8022. Também é possível realizar denúncias pelo telefone do Disque Denúncia (21) 2253-1177.

O anonimato do denunciante é garantido.