Homem fica bilionário investindo em Bitcoin e maconha

771

O portfólio de investimento do alemão Christian Angermayer é no mínimo inusitado, e envolve Bitcoin e maconha.

À Bloomberg, o proprietário do family office Apeiron Investment disse aplicar apenas no que é “curioso e apaixonado”.

Além de BTC e cannabis, Angermayer também investiu em SPACs e medicamentos para COVID-19.

Apenas no último ano, o excêntrico bilionário levantou mais de US$ 1 bilhão, cerca de R$ 5,4 bilhões, ao realizar aplicações em 7 empresas.

Além disso, o investidor coleciona contatos interessantes no mercado. Mike Novogratz, CEO da Galaxy Digital, é seu sócio na gestora Cryptology Asset.

Bilionário focado em ativos “alternativos”

Embora seu nome cause certo “ruído” entre os investidores mais tradicionais, Angermayer fez fortuna em um período no qual muitos empresários passaram por maus bocados.

Nos últimos doze meses, a Apeiron Investment se tornou a principal investidora de sete empresas que abriram capital no último ano.

“Apenas invisto no que sou muito curioso e apaixonado. Isso me anima”, declarou Angermayer.

Entre as empresas sob seu investimento, encontram-se a Compass Pathways — que desenvolve tratamento para depressão com base em cogumelos — e a AbCellera Biologics. A segunda está por trás de pesquisas de combinação para medicamentos contra a Covid-19.

Além dessas aplicações, o executivo disse ter investido no mercado de criptomoedas. Junto com o executivo Mike Novogratz, Angermayer alocou capital na gestora de criptoativos Cryptogy Asset.

Investimento em IPOs

Angermayer disse que sua empresa detém cerca de US$ 2,5 bilhões em ativos, sendo ele dono de metade deste valor.

Exibindo uma postura de investidor confiante, o magnata disse que não possui nenhum tipo de fundo de investimento por trás da sua fortuna. Além disso, anunciou que outras dez empresas de seu portfólio planejam uma IPO este ano.

Na semana passada, a Atai Life Sciences, na qual investe, entrou com um pedido de IPO. A empresa de psicodélicos está avaliada em US$ 2 bilhões, valor equivalente a R$ 10,9 bilhões na cotação atual do dólar.

Embora tenha obtido sucesso nos últimos meses, alguns investimentos não renderam tanto quanto o bilionário esperava.

O laboratório de pesquisa contra o câncer, Sensei Biotherapecics, registrou uma queda de 30% desde a IPO em fevereiro.

Contatos relevantes

“Figurinha” conhecida no mercado de criptoativos, Mike Novogratz, da Galaxy Digital, disse que o parceiro alemão é ótimo em criar e manter relações na esfera corporativa.

“Ele é provavelmente o melhor criador de laços que já conheci. Construiu uma rede incrível de pessoas que gostam e aprenderam a confiar nele porque fizeram dinheiro com ele. Como captador de recursos, [ele] é incrível”, disse.

Além do CEO da Galaxy, Angermayer cultivou vínculos com o grupo SoftBank e com o influente investidor Peter Thiel.