Pai do vereador assassino Jairinho poderá voltar como deputado para Alerj no Rio

166

O Coronel Jairo (Solidariedade) pode voltar a Alerj como deputado estadual. Para quem não sabe, ele é o pai do vereador Jairinho, que está preso acusado de cometer um crime bárbaro, o assassinato de seu enteado, Menino Henry, além de denúncias de violência contra mulher e crianças.

Tudo está nas mãos do governador Claudio Castro (PSC), é que Coronel Jairo é o 1º suplente do Solidariedade, e o deputado estadual Rodrigo Bacelar (Solidariedade) está sendo cotado para ser secretário em seu governo, abrindo assim vaga para o pai de Jairinho.

De acordo com o jornalista Claudio Magnavita/Correio da Manhã, Coronel Jairo chegou a receber um telefonema de um deputado pedindo para que ele não assumir a vaga de deputado estadual, e ele negou. Para Magnavita “o mandato agora é fundamental para defender a família. Jairo não ficou calado e revelou o assédio para vários políticos.“

Além de pai de Jairinho, Coronel Jairo foi um dos deputados presos durante a Operação Furna da Onça em 2018.