TRAVECO ARMADO | Vekinho leva arma do policial penal na linha amarela após não receber o dinheiro da mamada no Rio de Janeiro

353

Na manhã de terça – feira (01), a policia militar recentemente teria encontrado uma pistola calibre 40 marca Glock, da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária do Estado do Rio de Janeiro, após abordarem um taxi na linha amarela em situação suspeita, foi realizada uma revista nos ocupantes do veículo e no automóvel, onde foi encontrada na posse do VEKINHO Luciano, que alega “menor idade”, que que informou que a pistola seria de responsabilidade do Policial Penal Marcus Aurélio.

Segundo o VEKINHO, Luis Pereira Junior, o Policial Penal Marcus Aurélio, teria contratado os serviços do profissional do sex, que alega ser menor, não honrou o pagamento combinado pelo programa e, como garantia o VEKINHO ficou com a arma que pertence a SEAP-RJ como garantia do pagamento.

O Policial Penal alega ter sido vítima de assalto, mas, até o momento não compareceu a delegacia para registar o roubo ou prestar esclarecimentos do fato, alegando constrangimento.

O traveco foi entrevistado onde relatou o seguinte.

21ªDP – O que aconteceu de verdade?

Sophia – Eu fui aborda pelo cliente, que se identificou como policial somente depois que eu estava no carro com ele, pediu para eu fazer sexo com ele sem camisinha.

21ªDP –– E vc topou, o que mais aconteceu?

Sophia – Falei que não, mas , ele apontou a arma para mim e me obrigou a aceitar, então fiz sexo sem camisinha, mas depois ele pediu para eu trocar de papel, novamente sem camisinha, então quando ele se virou, eu peguei a arma e fugi para que ele não a usasse contra mim, pois ele estava totalmente alterado, não sei se por bebida ou outra coisa.

21ªDP – e vc iria entregar a arma para alguém, o que vc pretendia fazer

Sophia – Na hora só pensava em fugir