Polícia Federal e Receita Federal apreendem cocaína no Aeroporto do Galeão

167

A Delegacia Especial da Polícia Federal no Galeão, na Ilha do Governador, na Zona Norte do Rio, em ação conjunta com o Serviço de Conferência de Bagagem da Alfândega, apreenderam 3,5 kg de cocaína em bagagem despachada, na noite desse domingo (30).

A droga estava disposta em 4 (quatro) pacotes ocultos em fundo falso da mala de um passageiro espanhol, de 39 anos, que tentava embarcar para Lisboa.O passageiro recebeu voz de prisão e foi conduzido à Polícia Federal para lavratura do auto de prisão em flagrante.  O preso responderá por tráfico internacional de entorpecentes, cuja pena pode chegar a até 15 anos de reclusão.

Na última sexta-feira (28), a Alfândega da Receita Federal no Aeroporto do Galeão apreendeu ecstasy e skunk em materiais despachados do exterior. A Receita encontrou 3.645 comprimidos de ecstasy dentro de embalagens de chocolate.

A droga, oriunda da Holanda, tinha como destino Brasília. O valor da apreensão é de R$ 218.700. Em outro flagrante, a Aduana apreendeu 440 g de skunk junto a uma peça de roupa, dentro de uma caixa de papelão. A droga ia dos Estados Unidos para Itaguaí. O valor da apreensão é de R$ 22 mil