Oitenta e dois mil moradores do Rio não retornaram para tomar a 2ª dose da vacina contra a Covid

93
Dulcineia da Silva Lopes receives the Sinovac coronavirus disease (COVID-19) vaccine at Christ the Redeemer statue in Rio de Janeiro, Brazil January 18, 2021. REUTERS/Ricardo Moraes

Oitenta e duas mil pessoas deixaram de comparecer aos postos de saúde para receber a segunda dose da vacina contra a Covid no Rio. O número representa 4% das pessoas que já começaram a imunização na capital do estado e é considerado alto pela Secretaria Municipal de Saúde.

Vacina contra Covid no Rio: quem pode ser vacinado, quando e o que deve fazer
Os motivos para as ausências estão sendo analisados pela SMS. Entre as hipóteses analisadas para a desistência da segunda dose estão o medo de uma reação, esquecimento ou dificuldades de idosos para chegar aos postos.

“As pesquisas mostram que uma pessoa só estará vacinada se ela tomar a segunda dose da vacina. Se ela não tomar, não estará vacinada, e com a falsa ilusão que estaria protegida”, alerta o infectologista Roberto Medronho.