Detran.RJ fecha parceria com Miguel Pereira para fiscalização de trânsito

67

O Detran.RJ assinou convênio nesta sexta-feira (18) com a prefeitura de Miguel Pereira, no centro-sul fluminense, para melhorar e agilizar o trabalho de fiscalização no trânsito da cidade.

Palmtops foram entregues para os agentes da prefeitura e nove profissionais passaram por um curso de atualização das regras de trânsito, incluindo as últimas alterações feitas no Código de Trânsito Brasileiro (CTB), e que entraram em vigor no último dia 12 de abril.

A solenidade de assinatura do convênio foi realizada na prefeitura de Miguel Pereira, com a presença de representantes do Detran e de autoridades, entre eles o secretário estadual de Transportes, Léo Vieira.

“A parceria entre o Detran.RJ e as prefeituras é importante para facilitar e agilizar a operacionalização das blitzes. Além disso, a consulta online na base de dados do Detran, sobre os veículos e os motoristas, confere mais segurança na abordagem, tanto para os agentes de trânsito quanto para a população”, explicou o presidente do Detran.RJ, Adolfo Konder, que passou a tarde em Miguel Pereira para fechar o termo de cooperação com o prefeito André Português. Os dois trataram de assuntos importantes para o departamento e o município.

Com a parceria, a base de dados do Detran.RJ, que informa sobre a regularidade dos veículos e das CNHs dos motoristas, passa a ser utilizada também pelos agentes treinados em Miguel Pereira.

O sistema que o departamento vai disponibilizar à prefeitura também vai informar a situação do veículo junto à polícia. São inúmeras informações cruzadas que serão disponibilizadas aos agentes de trânsito.

“O Detran tem uma função educativa para o trânsito muito importante. Inclusive, a primeira opção não é punir.  A punição é o último dos recursos do ordenamento urbano. Primeiro, queremos educar. Por isso o Detran realizou também aqui, hoje, a nosso pedido, uma blitz educativa, através da sua Coordenadoria de Educação para o Trânsito. Salvar vidas é o nosso maior objetivo”, avaliou o prefeito André Português.

Durante a blitz de hoje, cerca de 50 veículos foram parados e os motoristas, conscientizados, sobre a importância da direção defensiva, dos equipamentos de proteção, do cinto de segurança, entre outros assuntos importantes.

Em 2021, o Detran já renovou convênio com 60 municípios e fez fiscalizações em parceria com 27 cidades do estado. As infrações mais flagradas nas ações são, em geral, falta de licenciamento anual e mau estado de conservação, o que representa 60% a 70% do total das multas aplicadas.