Policia Civil prende homem acusado de estuprar e matar diarista no Rio

170

Policiais civis da Delegacia de Homicídios da Capital (DHC) prenderam, nesta terça-feira (22/06), um homem acusado de estuprar e matar uma mulher.

Segundo as investigações, o autor contratou Rosilene de Assis Cordeiro para fazer faxinas na cobertura onde prestava serviço de pintor, no Recreio dos Bandeirantes, na Zona Oeste. Após o último serviço, no dia 10 de novembro de 2020, ele ofereceu carona à vítima e a levou para uma área de mata, em Santa Cruz, onde estuprou e matou a mulher com requinte de crueldade. 

A equipe da DHC iniciou as investigações após o assassinato. Os agentes realizaram diligências, levantaram informações e identificaram o suspeito.

Ele foi capturado no bairro Campo Grande, após monitoramento do setor de inteligência da unidade policial. Contra o autor foi cumprido mandado de prisão expedido pela Justiça. O homem responderá pelos crimes de estupro e homicídio qualificado.