Bocão do Povo–Veja os destaques da Política da Região dos Lagos desta Quarta – Feira (21)

R$: 20 milhões de obras para Cabo Frio; Vanderson de barriga cheia; Vanderson não perde a Onda; Zé Tranca Rua; Onde Zé está, Jânio vai atrás; Pastel com Senador; Alianças de Vidal; Carol Midori em busca de recursos; Oseias do encontro; Vinicius das propostas; MP dá ultimato em prefeito; Investigada e exonerada; Pagando os atrasados; Maricá na mira do MP;

191

R$: 20 milhões de obras para Cabo Frio

Em reunião realizada nesta quarta-feira (21) entre o secretário de Estado de Infraestrutura e Obras, Max Lemos, e o prefeito José Bonifácio (PDT), de Cabo Frio, na Região dos Lagos, foi apresentada uma lista de pedidos para melhorias em várias frentes do município. Entre elas, a urbanização do distrito de Tamoios, as reformas de praças em diversas regiões da cidade e do Posto Regional de Polícia Técnica e Científica (126ª DP), além da construção do Colégio Estadual Carlos Heitor Cony. O encontro, que aconteceu na sede da Seinfra, no Rio de Janeiro, contou com a presença do vereador de Cabo Frio, Vanderson Bento (PTB) e do ex-deputado estadual Jânio Mendes. O investimento destinado à cidade soma cerca de R$20 milhões e faz parte do pacote de obras que será lançado pelo Governo do Estado nos próximos dias. “Iremos lançar a cada 15 dias novos pacotes de obras por todo o estado. Os prefeitos que apresentarem bons projetos sem dúvidas sairão na frente. A missão dada pelo governador Cláudio Castro é ajudar os nossos municípios. Os pedidos feitos pelo prefeito Bonifácio, que é um amigo de longa data, serão atendidos”, disse Lemos, que na Assembleia Legislativa foi o autor do Projeto de Lei Titula Rio, que irá permitir a regularização fundiária do Distrito de Tamoios.

A cesta pobre de Zé

A cesta básica da Prefeitura de Cabo de Frio vem causando discussões nas redes sociais. Há muitas reclamações de pais de alunos sobre o fato da cesta ser muito pobre, por não ter variedades de produtos alimentícios. Os moradores estão reclamando, que a cesta demorou a sair e agora que saiu, as aulas já irão retornar. Os internautas querem saber como ficará o resto do dinheiro aplicado na merenda, que nunca deixou de chegar aos cofres do governo do prefeito José Bonifácio (PDT). E agora, José?

Vanderson de barriga cheia

O vereador de Cabo Frio, Vanderson Bento (PTB), almoçou com o secretário estadual Max Lemos acompanhado do Prefeito Jose Bonifácio e Jânio Mendes, onde traçaram grandes projetos para a cidade de Cabo Frio.  No entanto, à noite, Vanderson jantou com o Secretário de Ciências e Tecnologia Dr Serginho onde também com o objetivo de traçar planos para a cidade cabo-friense. O certo é que o nobre edil saiu com a barriga cheia e parece ter ficado satisfeito com o almoço e com o jantar.

Onde Zé está, Jânio vai atrás

O diretor financeiro da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) e braço direito do prefeito de Cabo Frio José Bonifácio (PDT), Jânio Mendes (PDT), está em todo lugar onde Bonifácio se encontra. Todos os contribuintes do estado fluminense querem saber, que horas Jânio pega no serviço na Alerj. Com um salário de R$18 mil reais, bem acima dos ganhos de um trabalhador comum, Jânio parece não está dando muito valor ao seu emprego. Fica uma pergunta no ar: Jânio estaria batendo o seu ponto na Alerj? E vale lembrar, que isso já vem acontecendo desde o começo do ano e não é de agora. Antes, que se use a desculpa do recesso legislativo.

Pastel com Senador

O prefeito, Fábio do Pastel, que migrou em maio para o PL, recebeu o senador Carlos Portinho, do mesmo partido, nesta terça-feira (20). Durante a conversa, o prefeito e alguns secretários apresentaram as principais demandas da cidade. O senador anotou os pedidos de áreas importantes da cidade, como a saúde, saneamento, meio ambiente, entre outras. O potencial esportivo e agrícola do município também foram destacados. “Faço questão de ajudar a investir aqui na cidade e fortalecer a gestão do Fábio. Recebi solicitações da saúde, que estando dentro do meu orçamento, certamente irei ajudar. Também fui apresentado a projetos do esporte, saneamento, cooperativismo na questão agrícola, e outras áreas. Vamos construir essas demandas junto ao prefeito”. “Muito feliz com a visita do senador Carlos Portinho. Podemos perceber que ele está pronto para ajudar nosso município, que tanto precisa. Ver a preocupação com a saúde, o saneamento e as principais demandas da nossa cidade foi uma surpresa muito positiva. Agradeço pela presença e espero recebê-lo mais vezes”, destacou Fábio do Pastel. Após a visita ao gabinete, a equipe, junto a alguns secretários, foi até a Fazenda Cadal, localizada em Itaí.

Pagando os atrasados

A Prefeitura de Arraial do Cabo pagou, nesta quarta-feira (21), o salário atrasado dos funcionários comissionados e contratados referente ao mês de dezembro de 2020. O compromisso desse governo com as reformas estruturais na base do ajuste fiscal e os enormes esforços para o aumento da arrecadação proporcionaram ao Município a quitação de aproximadamente R$ 2 milhões em dívidas salariais deixadas pela última gestão. Desde quando assumiu a Administração Municipal em janeiro deste ano, o prefeito Marcelo Magno se propõe a pagar o salário do funcionalismo público municipal rigorosamente em dia.

Maricá na mira do MP

Na última segunda-feira (19), o Ministério Público do Rio de Janeiro entrou com uma ação civil pública contra a Prefeitura de Maricá devido a suspeitas de irregularidades na contratação de uma Organização Social. A investigação do MPRJ aponta ilegalidades na condução do chamamento público para seleção de uma OS para gerenciar o Hospital Municipal Dr. Ernesto Che Guevara. Segundo a apuração do MPRJ, outra Organização Social teria apresentado a melhor proposta e seria a legítima vencedora do chamamento público de 2019, mas depois de várias republicações do edital, a Associação Saúde em Movimento foi declarada vencedora, em março de 2021. De acordo com o Ministério Público, a investigação já foi concluída e a Promotoria entrou com uma ação civil pública na Justiça na segunda-feira (19).De acordo com o MPRJ, durante o último chamamento público, a organização social Associação em Movimento, que venceu a disputa para gerenciar o Hospital Municipal Dr. Ernesto Che Guevara, ainda pode ter apresentado um documento falso.

Investigada e exonerada

Simone da Costa Silva Massa não é mais a secretária de Saúde de Maricá. Além da médica, o prefeito Fabiano Horta (PT) também exonerou seu marido, Carlos Augusto Anacleto. Coincidentemente ou não, o casal é investigado em dois inquéritos diferentes no Ministério Público do Rio, tanto por nepotismo, como por irregularidades na licitação que escolheu a organização social baiana Saúde em Movimento para administrar o Hospital Ernesto Che Guevara. Em uma ação civil pública movida por uma denúncia do deputado Filippe Poubel (PSL), a 1ª Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva da Saúde da Região Metropolitana II pede a anulação do contrato de R$ 370 milhões. O MPRJ argumenta que houve ilegalidades no processo — incluindo a vista grossa a um atestado de capacidade técnica supostamente falso — para beneficiar a organização baiana em detrimento do Centro de Excelência em Políticas Públicas (CEPP), que ficou em segundo lugar. Nas redes sociais, Simone da Costa Silva fala sobre os quilos a mais e problemas de saúde que ganhou por causa de “noites e dias integralmente presente”, e que vai focar no bem estar de sua família. Ela diz ter “consciência tranquila de meu papel cumprido ao lado do governo que sempre irá colocar como prioridade a vida humana”. O deputado denunciante, por outro lado, adotou um tom oposto: “Essa é a resposta que eu dou para aqueles que tentam desqualificar o nosso trabalho, dizendo que não denuncio, que faço teatro. A denúncia do nosso mandato virou inquérito e exonerações foram feitas”, diz Poubel.

Cabo Frio na Copa Beach Soccer da FiFA

Cabo Frio será representada na Copa do Mundo de Beach Soccer da FIFA de maneira diferente. Entre todos os árbitros convocados para compor o quadro de arbitragem da competição, apenas um é brasileiro, o cabo-friense Lucas Estevão. Maior evento da modalidade, a Copa do Mundo de Beach Soccer da FIFA será realizada em Moscou, na Rússia, entre os dias 19 e 29 de agosto. Essa será a 21ª edição da Copa do Mundo de Beach Soccer, a décima organizada pela FIFA.Lucas Estevão, de 35 anos, é servidor da Prefeitura de Cabo Frio. Trabalha há 15 anos na Comsercaf e mora no bairro Manoel Corrêa. Árbitro de beach soccer desde 2009, Lucas já apitou campeonatos como Copa Brasil de Beach Soccer, Campeonato Carioca, Fest Verão, tradicional competição do interior do Estado do Rio de Janeiro, entre outras. No ano de 2014, Lucas passou a integrar o quadro de arbitragem da Confederação de Beach Soccer do Brasil, já em 2017 tornou-se árbitro FIFA. Lucas destaca que, por todos os lugares que passou, Cabo Frio é reconhecida pelas belezas naturais, e para ele, é gratificante levar o nome da nossa cidade para o mundo.A Copa do Mundo de Beach Soccer da FIFA será disputada entre vinte seleções, divididas em quatro grupos. O Brasil, maior campeão das edições chanceladas pela FIFA, tem cinco taças, e está no grupo C, junto com Bielorrússia, El Salvador e Suíça.

Alianças de Vidal

O ex-vereador de Cabo Frio Jeferson Vidal, hoje levantou sedo e colocou o bloco na rua, afim de traçar um caminho para as eleições de 2022, e com isso formado grupos políticos e novas alianças, para seu novo projeto nessa caminhada que vem por aí. Vidal percorreu algumas cidades da Região como Iguaba Grande, Armação dos Búzios e Arraial do Cabo. Em Iguaba Vidal esteve com Gustavo, Roberto e Thiago, já em Búzios o encontro foi com Fafá, o mesmo aproveito e deu um corre na Câmara para falar com O VEREDAOR Douglas Felizardo que tem sido um de seus grandes aliados na casa legislativas. Dando continuidade as visitas Vidal partiram para Arraial do Cabo onde se encontrou com Arizinho Vianna. Vidal disse que isso foi apenas um começo de uma longa caminhada que está por vim.

Carol Midori em busca de recursos

A vereadora de Cabo Frio Carol Midori (DC), esteve no Rio de Janeiro em um encontro com o secretário de Infraestrutura e Obras   Max Lemos, para buscar recurso e melhoras para Cabo Frio, a ida de Midori foi para que o secretário olhe pelo Canil municipal da cidade que se encontra em uma situação muito precária. Além da reforma Midori foi com um outro intuído onde a mesma pediu ao secretário, a construção de um centro cirúrgico e um local especifico para receber animais vítimas de maus-tratos. O Secretario Max Rodrigues Lemos entendeu a importância da reforma e reestrutura do canil municipal e se comprometeu em atender essa demanda. Estou muito feliz em estar no caminho de mais essa conquista para Cabo Frio, finalizou Midori. Carol ainda disse que não é de hoje que o canil municipal vive de forma precária. Apesar dos esforços para buscar soluções através da prefeitura, o canil é sempre deixado por ultimo plano. O canil hoje precisa passar por uma reforma urgente… precisa de baias mais adequadas, centro cirúrgico e ampliação do local para receber animais vitimas de maus-tratos. Diante disso, Midori se decidiu ir até o Rio de Janeiro para entregar pessoalmente um oficio ao Secretario de Infraestrutura e Obras, Max Rodrigues e explicar toda a situação em que se encontra o canil de Cabo Frio.

Oseias do encontro

O Vereador Oseias promoveu encontro entre os moradores do Segundo Distrito e o Secretário de Regularização Fundiária, Dr. José Luiz. O encontro foi um marco inaugural da secretaria que começou os atendimentos ao público no Centro administrativo da Prefeitura, no UNAPARK, como cumprimento de compromisso público realizado pelo Prefeito José Bonifácio (PDT).A solicitação abordada foi a aplicação da Lei N° 13.465 de 2017, a REURB como solução para os inúmeros imóveis sem documentação em Tamoios e a melhoria de infraestrutura para áreas de ocupação já consolidadas, como o Loteamento Santa Margarida e Sinagoga.O REURB reúne um conjunto de medidas jurídicas, urbanísticas, ambientais e sociais destinadas à incorporação dos núcleos urbanos informais ao ordenamento territorial urbano e dando titulo de propriedade (RGI) gratuito a quem recebe até cinco salários mínimos. O secretário José Luiz afirmou que ele e sua equipe, não medirão esforços para atender a demanda apresentada pela sociedade. “O objetivo não é só com o título de propriedade, mas com a infra estrutura de calçamento, iluminação publica, saneamento básico e lazer”, afirmou o Vereador Oséias.

Vinicius das propostas

O vereador de Cabo Frio, Vinicius Correa (PP), propôs ao prefeito de Cabo Frio, José Bonifácio (PDT), que utilize os R$7,5 milhões que seriam para a compra da Vacina Sputinik pra reabrir o Hospital da Criança e o Hospital de Tamoios. O imunizante russo não teve autorização de uso pela Anvisa para o Estado do Rio de Janeiro, então essa verba está parada no caixa da Prefeitura cabo-friense. Vinicius explicou a sua proposta nas suas redes sociais. “É hora de priorizar, estamos propondo ao prefeito que utilize os 7,5 milhões que seriam para compra da Vacina Sputnik contra o Coronavírus, e que não recebeu autorização de uso da Anvisa para o RJ, que sejam investidos na reabertura do Hospital de Tamoios e na reabertura do Hospital da Criança. Dinheiro guardado não salva vidas”, escreveu o nobre edil.

Vanderson não perde a Onda

O vereador Vanderson Bento não perdeu a onda e surfou sozinho no anúncio do Secretário de Infraestrutura do Estado Max Lemos que vai destinar R$ 20 milhões em obras para Cabo Frio no pacote de obras que o governo do Estado deve anunciar nos próximos dias. “Com força de vontade e escutando a população um vereador pode transformar sonhos em realidade. Estamos avançando muito. Pude ser a ponte entre o Secretário de obras do estado Max Lemos e o prefeito José Bonifácio e quem ganhou com isso foi a cidade de Cabo Frio”, comemorou o vereador numa rede social O pacote de obras inclui a urbanização de Tamoios, reforma das praças, construção do colégio Carlos Heitor Cony. reforma do Posto Regional de Polícia Técnica e Científica além da regularização fundiária no segundo distrito.

MP dá ultimato em prefeito

O Ministério Público ajuizou ação civil pública com pedido de antecipação dos efeitos de tutela para o retorno das aulas de forma segura e presencial no Município de Arraial do Cabo.   A ação requer que o Município, na pessoa do prefeito Marcelo Magno Félix dos Santos, seja obrigado, em prazo não superior a 15 dias, a prestar o serviço educacional municipal de modo presencial, ainda que de forma híbrida.  O funcionamento presencial deve estar vinculado ao critério epidemiológico sanitário seguro, mesmo na hipótese de bandeira vermelha. O Município não ofertou atividades escolares presenciais em sua rede pública em nenhum momento desta pandemia, mesmo quando oscilou entre bandeiras amarela e laranja e permitiu uma flexibilização da quarentena para o funcionamento de diversas outras atividades, bem menos essenciais do que a educação. Caso o município não cumpra a determinação o MP pede que Justiça determine multa diária e pessoal ao prefeito Marcelo Magno no valor de R$ 10 mil. 

Zé Tranca Rua

O que o prefeito eleito mais faz é andar na Duster Oroch Branca comprada com dinheiro do Fundo de Mobilidade Urbana pelo Dr. Adriano por aí. Desde a eleição o velho da bike abandonou de vez a caricatura dos tempos de eleição e nunca mais pedalou por aí. Desde o início do governo envolvido em diversas polêmicas quanto a Mobilidade Urbana, o prefeito retirou diversas vagas de estacionamento da Avenida Assunção e terminou de afundar o comércio. Leitores, pasmem, mesmo com estacionamento interno nos fundos no prédio da prefeitura, o Tranca Rua “segurou” mais uma vaga, dessa vez exclusiva para ele. Empurrou uma placa e meteu um cone e pronto: é dele, do CHEFE DO PODER EXECUTIVO. Qual o motivo? Será que não consegue enfiar o carro no buraco da garagem ou será comodismo e autoritarismo mesmo? Gostaria da opinião “técnica” do Secretario de Mobilidade sobre o assunto. Esse Zé Tranca Rua, tira vagas, abandona os parquímetros e libera geral para os flanelinhas. Hey Tranca Rua, para de papo furado e volta pra sua bike porque ela tá parada dando ferrugem e vê se para de pegar no pé do cidadão de bem.

Greve pela vida continua

Os profissionais da educação da rede municipal de   Búzios decidiram, em assembleia, manter a chamada Greve Pela Vida contra o retorno as aulas presenciais e por condições apropriadas de segurança sanitária e infraestrutura. A direção do EPE Lagos está elaborando um protocolo sanitário para as escolas dos municípios da região em parceria com a Frente em Defesa da Educação Pública de Juiz de Fora (MG), da qual participam educadores e pesquisadores da UFJF (Universidade Federal de Juiz de Fora), e com colaboração também de integrantes do Grupo de Trabalho Multidisciplinar para o enfrentamento da COVID-19 da UFRJ campus Macaé.  O protocolo está adequado às evidências científicas mais recentes sobre o novo coronavírus e suas variantes e responde de maneira mais eficiente à realidade concreta das escolas da rede pública. Em breve o sindicato disponibilizará a versão definitiva do projeto, em formatos E-book e PDF.