Coronel Gustavo Bastos deixa a corregedoria e assume o 25ª BPM de Cabo Frio

250

CABO FRIO – O coronel Gustavo Medeiros Bastos assumiu na manhã desta sexta-feira (10), o 25ª BPM de Cabo Frio, localizado na Região dos Lagos, durante uma solenidade e substituído pelo tenente-coronel Alex Benevenuto Santos, que ficou no cargo por cerca de cinco meses.

Coronel Bastos estava lotado na corregedoria da PM e em 2017, foi diretor da 2ªDPJM, em Padre Miguel. Ele foi o responsável pela investigação de dois PMs acusados de terem recebido propina do pai de Rafael de Souza Bussamra, que atropelou e matou o músico Rafael Mascarenhas, filho da atriz Cissa Guimarães, em 2010.
Tenente-Coronel Beneveuto será transferido para o 14º Batalhão, em Gericinó, no Rio de Janeiro. Ele tem vasta experiência em operações especiais, gerenciamento de crises e negociação de conflitos, é formado pela Escola Superior de Polícia Militar em Gestão de Políticas Públicas.

Ele chegou a comandar o Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE) por um ano, entre dezembro de 2017 e 2018 e, antes disso, foi subcomandante por um ano e cinco meses.
Segundo Patrícia Cardinot, presidente do Conselho Comunitário de Segurança (CCS) de Cabo Frio, Beneveuto fez um excelente trabalho durante o comando do 25º Batalhão.

Prefeito de Cabo Frio José Bonifácio, Prefeito de Arraial do Cabo Marcelo Magno, secretário de segurança de Arraial Leandro do Bope e Secretário de Administração Coronel Ruy França de Cabo Frio estiveram presente.