Assassino já estaria à espera de vereador no momento do crime

Segundo informações da Polícia Militar, autor do homicídio estava estacionado próximo ao local onde Quinzé desembarcou do seu veículo. O atirador fugiu

214

Rio – O homem que atirou contra o vereador Quinzé (PL), de Duque de Caxias, já estava à espera do parlamentar, e aguardou ele desembarcar do carro para efetuar os disparos. Quinzé foi executado na noite de domingo (12), em São João de Meriti, quando ia fazer uma visita a uma conhecida. O corpo de Quinzé está no Instituto Médico Legal (IML), em Nova Iguaçu. A Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) investiga o caso.

Testemunhas do crime e policiais militares que estiveram no local afirmaram que Quinzé foi ao bairro Parque Novo Rio para visitar uma conhecida, e foi alvejado ao desembarcar do carro. O autor do crime atirou de dentro de outro veículo, que estava estacionado próximo dali. Ele fugiu após os disparos, e populares não conseguiram anotar a placa. Ainda não há informações sobre a motivação do crime. 

Ex-policial militar, Quinzé concorreu ao cargo de vereador pelo PL nas últimas eleições de 2020 e obteve 2.364 votos, sendo o 26º mais votado da cidade. Era seu terceiro mandato.

Em nota, a Câmara Municipal de Duque de Caxias lamentou a morte do parlamentar. “O vereador deixa como legado uma trajetória marcada pelo respeito ao próximo, amor e dedicação ao trabalho e à família. Pedimos a Deus que conforte o coração dos familiares e amigos neste momento de dor”.

Segundo vereador de Caxias assassinado este ano

Em março deste ano, o vereador de Duque de Caxias Danilo Francisco da Silva (MDB), o Danilo do Mercado, e o filho dele, Gabriel da Silva, de 25 anos, foram mortos a tiros, no bairro de Jardim Primavera. Segundo informações do partido do vereador, o assassinato a tiros aconteceu na Praça Jardim Primavera, em Caxias. A Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) também confirmou a ocorrência e abriu um inquérito para investigar o caso.