Fuzileiros navais impedem saque de barris de chope após caminhão tombar na Serra das Araras

108

Um acidente ocorrido na tarde desta quinta-feira, por volta das 15h30, fechou integralmente as duas faixas da pista de descida da Serra das Araras, na altura de Piraí, no Sul Fluminense. A interdição foi causada pelo tombamento de um caminhão que levava barris de chope e gerou um longo congestionamento.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), uma equipe de fuzileiros navais que ficou presa no engarrafamento evitou que a carga fosse completamente saqueada. Contudo, antes da chegada dos militares, e com homens da própria PRF impossibilitados de alcançar o local, populares conseguiram levar grande parte dos barris de bebida alcoólica caídos ao chão.

Ainda de acordo com a PRF, o motorista do caminhão, um homem de 50 anos, sofreu apenas ferimentos leves. Ele recebeu atendimento médico fornecido pela concessionária que administra a Rodovia Presidente Dutra e foi liberado em seguida.

Após o acidente, o trânsito na pista de subida da Serra das Araras foi colocado em mão dupla. O congestionamento no sentido Rio atingiu sete quilômetros de extensão, enquanto os motoristas que seguiam em direção a São Paulo chegaram a enfrentar oito quilômetros de muita lentidão.

Só no fim da tarde, mais de duas horas depois do acidente, a faixa da direita da pista de descida foi liberada, permitindo que os veículos que ficaram presos próximo ao tombamento do caminhão seguissem viagem. O plano de contigência com a mão dupla na pista de subida permeceu em operação.

Aglomeração ao lado dos barris de chope que estavam no caminhão
Aglomeração ao lado dos barris de chope que estavam no caminhão Foto: Reprodução