“Oregon Enterprises” emiti nota de esclarecimento sobre atrasos de pagamentos em Cabo Frio e tranquiliza clientes dizendo que vão pagar a todos

298

Após a veiculação da matéria, a Oregon Enterprise enviou nota para explicar sobre os problemas de atrasos de pagamentos.

Sim, estamos com alguns pagamentos em atraso, porém estão sendo regularizados. A Empresa está funcionando normalmente, pois devido à demanda tivemos que passar por uma auditoria e um novo gerenciamento da equipe do financeiro. Vale salientar que a Empresa continua trabalhando e não vai parar, entendo que o atraso causa preocupação devido aos recentes acontecimentos.

Os pagamentos que ainda estão pendentes serão todos colocados em dia, a nova gestão da equipe do financeiro está trabalhando firme para isso.

A Oregon Entreprises, uma das principais empresas de Cabo Frio a oferecer ganhos e rendimentos em Bitcoin começou a atrasar pagamentos dos clientes.

Criada por Pedro Lui, ex-assessor de um vereador de Cabo Frio, a Oregon é considerada uma das maiores empresas do “ramo de Bitcoin”, ao lado da GAS Consultoria.

Contudo, em abril de 2021 os líderes da empresa já começaram a ser investigados pela polícia civil, que os intimou a dar depoimentos sobre as suspeitas de fraudes após uma operação conjunta com o Ministério Público.

Com ofertas de rendimentos de 15% ao mês, ou até mais para outros clientes, a empresa pode ser mais uma a estar chegando ao fim.

Vale notar que um dos escritórios da Oregon funcionava no Edifício Premier Center, mesmo local onde o “Faraó dos Bitcoins” também tinha uma sala.

Segundo investidores que aplicaram com a Oregon, a empresa estaria ofertando ao público retornos estratosféricos acima de 15%. Porém, não fica claro qual a frequência desse rendimento (diária, semanal ou mensal).

Ainda de acordo com pessoas que reclamaram do atraso relataram para o Jornalismo da Rlagos, que solicitaram o capital investido de volta, mais a empresa não da ser quer uma posição.

De qualquer forma, os retornos seriam supostamente fixos e garantidos, ofertas típicas de pirâmides financeiras. As operações da empresa são focadas em mercados extremamente voláteis, como mini-índice, mini-dólar, mercado futuro, forex e criptomoedas.

Operação contra a OREGON

Em abril de 2021, a empresa Oregon foi alvo de uma operação da Policia Civil, no centro de Cabo Frio, segundo a denúncia na época a empresa era acusada deoperar um esquema de pirâmide financeira com Bitcoin na cidade.

Cabo Frio, o Novo Egito

Além das empresas já citadas, há diversas outras em Cabo Frio sendo investigadas pelas autoridades por prática de pirâmide financeira.

Os esquemas começaram a desmoronar depois da deflagração da Operação Kryptos em agosto desde ano. Os alvos era, a GAS Consultoria Bitcoin e seu líder, Glaidson Acácio dos Santos.

Na operação, a Polícia Federal realizou a maior apreensão de criptomoedas do Brasil e prendeu Glaidson.

Depois da ação, várias empresas começaram a atrasar pagamentos, encerraram suas atividades e seus líderes desapareceram.