Dr Serginho e Cláudio Castro inauguram Hospital da UERJ em Cabo Frio

264

O Hospital Universitário Reitor Hesio Cordeiro (antigo Unilagos), em Cabo Frio, na Região dos Lagos, foi inaugurado nesta sexta-feira (15) pelo governador do Estado do Rio de Janeiro, Cláudio Castro (PL), e pelo deputado licenciado e secretário estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação, Dr. Serginho (Republicanos). A inauguração contou com a presença do prefeito da cidade, José Bonifácio (PDT), de alguns vereadores do município cabo-friense, da deputada federal Soraya Santos (PL), o secretário estadual Max Lemos, do reitor da Uerj Ricardo Lodi, dentre outras autoridades.

O governador falou da simbologia de inaugurar a unidade hospitalar, que leva um nome de professor logo no dia do professor e também da Saúde de qualidade, que o cidadão fluminense merece.

“É muito simbólico inaugurar o Hospital Universitário Hesio Cordeiro, em Cabo Frio, no Dia do Professor. Além de professor, e reitor da UERJ – Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Hesio foi um dos idealizadores do SUS, que durante a crise da COVID salvou inúmeras vidas.

A unidade será usada, de início, para tratar pacientes com o coronavírus, mas logo será referência para a Região da Baixada Litorânea. A população fluminense precisa ter saúde e atendimento de qualidade perto de casa. Chega de peregrinação.

Agradeço aos secretários de Ciência e Tecnologia, Dr. Serginho, de Saúde, Alexandre Chieppe, e ao reitor da UERJ, Ricardo Lodi, por terem compreendido o momento de união necessário para reconstruir o RJ. Juntos vamos mudá-lo, pela Educação vamos transformá-lo”, finalizou Cláudio Castro.

O secretário discursou sobre a igualdade de condições dos tratamentos contra a covid-19, seja pela rede pública ou privada. E deu como exemplo, o seu avô, José Gonçalves, de 91 anos, que se recuperou da covid e pôde fazer um bom tratamento numa unidade particular.

” Quando eu vejo meu avô, de 91 anos, recuperado da covid, eu fico pensando que todos, sejam eles atendidos nas redes pública ou privada, merecem ter o mesmo tratamento de excelência que ele teve. Certamente um importante passo para isso é a inauguração do Hospital Universitário Reitor Hesio Cordeiro, na minha querida Cabo Frio. Mais do que atender pacientes de covid e pós-covid, essa unidade, que será gerida pela Uerj, vai garantir atendimento gratuito humanizado e de qualidade para o povo de toda Região dos Lagos.

Eu não poderia deixar de agradecer ao governador Cláudio Castro pela sua luta incansável em levar as melhorias que os municípios do entorno tanto precisam. Tmj, irmão”, finalizou Serginho.

O prefeito José Bonifácio dissertou sobre a sua experiência de ter sido pela terceira vez chefe do executivo municipal e comparou Castro com os outros 5 governadores com quem, já trabalhou nos seus mandatos passados.

“Eu fui prefeito agora pela terceira vez, e vivi ao longo dos meus mandatos com 5 governadores. Eu não vou dizer, que o comportamento que o senhor tem é exclusivo, mas muito pouco desses 5 governadores tiveram com os municípios do Estado, porque eu percorro tudo, convivo, converso, eu falo por telefone… O senhor encontrou esse Estado num fundo do poço. E aí eu estava lá na sua posse, pedindo a Deus, que lhe desce luz, que fizesse como Salomão pedindo sabedoria para escolher os seus companheiros, porque os músicos, os instrumentistas da orquestra podem ser muito bons, mas se você não tiver um maestro acima de tudo, ela desafina. Governador, usando essa figura de linguagem, o senhor tem sido um maestro, que está resgatando no povo fluminense a confiança de novos dias e de um futuro melhor”, disse Bonifácio.

O reitor da Uerj, Ricardo Lodi, também aproveitou para falar na solenidade sobre a importância do Sistema Único de Saúde (SUS) brasileiro e de quem foi o reitor Hesio Cordeiro.

“O Sistema Único de Saúde tem se mostrado fundamental para salvar a população brasileira nesse momento de combate à pandemia da covid-19. Então, neste momento por este movimento de trazer a toda população da baixada litorânea mais uma unidade do SUS. O nome não poderia ser outro, se não o do reitor Hesio Cordeiro, ele foi um dos idealizadores do SUS e um dos maiores reitores da Universidade do Rio de Janeiro, portanto a homenagem ao reitor Hesio Cordeiro muito nos emociona e a todos, que lutam pelo fortalecimento do SUS em nosso país”, finalizou Ricardo.