Polícia prende suspeito de estuprar criança em casa que possuía quarto com brinquedos para atrair vítimas

Um dos menores identificados foi estuprado dos 13 até os 14 anos de idade. Engenheiro de 63 anos admitiu os atos sexuais, mas alegou que seria apaixonado pela criança e que os atos foram consensuais.

164

A polícia prendeu em Niterói, Região Metropolitana do Rio, um engenheiro de 63 anos suspeito de estuprar crianças e que possuía em casa um cômodo denominado “quarto da Disney”.

De acordo com os investigadores, o local tem vários personagens, brinquedos e outros adornos que serviam para atrair as possíveis vítimas onde seriam abusadas.

Uma das vítimas identificadas foi estuprada dos 13 até os 14 anos de idade. O engenheiro admitiu os atos sexuais, mas alegou que seria apaixonado pelo menor e os atos foram consensuais.

Bermuda infantil com personagem da Disney foi encontrada em casa de suspeito preso por pedofilia em Niterói — Foto: Reprodução/Arquivo Pessoal
Bermuda infantil com personagem da Disney foi encontrada em casa de suspeito preso por pedofilia em Niterói — Foto: Reprodução/Arquivo Pessoal

Ainda segundo o homem, os abusos teriam ocorrido nas diversas viagens feitas no exterior.

No fim das buscas na casa do suspeito, os policiais da Delegacia da Criança e do Adolescente Vítima (Dcav), apreenderam diversos eletrônicos que serão analisados pela perícia em busca de outras provas e possível identificação de outra(s) vítima(s).

Foram apreendidas dezenas de brinquedos importados que serão destinados, após autorização judicial, para compor a brinquedoteca da Dcav.

O preso foi denunciado por estupro de vulnerável e será encaminhado ao sistema prisional.

"Quarto da Disney" tinha diversos aparelhos eletrônicos e personagens para atrair vítimas — Foto: Reprodução/Arquivo Pessoal