Search
Close this search box.
Chuvas deixam 3 mortos no Estado do Rio; em Japeri, desabamentos matam bebê e mulher

TEMPORAL NO ESTADO DO RIO

Chuvas deixam 3 mortos no Estado do Rio; em Japeri, desabamentos matam bebê e mulher

Tempestade na noite de quarta (21) castigou a Baixada Fluminense e o Sul Fluminense.

Por Rlagos Noticias

22 de fevereiro de 2024

Compartilhar no WhatsApp
Calebe Jefferson Veloso Costa — Foto: Reprodução/ Rlagos Notícias

Pelo menos 3 pessoas morreram no RJ durante a tempestade da noite desta quarta-feira (21). Foram 2 mortes em Japeri, na Baixada Fluminense, e 1 em Barra do Piraí, no Sul Fluminense.

As vítimas de Japeri estavam em casa, em Engenheiro Pedreira e na Chacrinha, quando barreiras caíram.

Condomínio em Belford Roxo ainda alagado na manhã seguinte a temporal — Foto: Reprodução/TV Globo
Condomínio em Belford Roxo ainda alagado na manhã seguinte a temporal — Foto: Reprodução/Rlagos Notícias

Na manhã desta quinta-feira (22), regiões da Baixada ainda estavam alagadas. Uma delas era um conjunto habitacional em Belford Roxo.

Bebê morto em Engenheiro Pedreira

Em Engenheiro Pedreira, um imóvel na Vila Carmelita foi reduzido a escombros depois que parte de um morro veio abaixo. Um menino, Calebe Jefferson Veloso Costa, de 2 anos, foi encontrado sem vida. A irmã gêmea dele foi salva.

Moradores contaram que durante a noite a parte mais baixa da Rua Mocambo alagou. Para sair da enchente, Cristiane e o marido trouxeram os 5 filhos para a casa do cunhado dela, na parte alta.

Quando o casal saiu do imóvel para socorrer a mãe de Cristiane, um deslizamento de terra atingiu a casa. O imóvel desabou e os dois filhos pequenos, Jade e Calebe, ficaram soterrados. Vizinhos tiraram destroços e muito barro, mas o menino foi encontrado sem vida.

Calebe Jefferson Veloso Costa — Foto: Reprodução/TV Globo
Calebe Jefferson Veloso Costa — Foto: Reprodução/Rlagos Notícias

Avô do pequeno Calebe, Carlos contou que a tragédia poderia ser ainda maior.

“Eu tenho muito a agradecer a Deus, porque antes de cair aqui, caiu uma parede na minha casa. Eu reuni a família toda para vir para cá, e seriam 10 pessoas aqui dentro. Quando chegamos aqui, o fato tinha acontecido, o povo já estava cavando na unha”, relatou.

“Com muita luta, conseguimos tirar a menina [Jade], mas infelizmente o menino [Calebe] demorou mais. Com a queda da casa, da estrutura, quebrou o clipe de gás. Ele aspirou muito gás embaixo desse entulho todo”, lembrou.

“Foi tudo conosco e com Deus, porque infelizmente Japeri é um município que não existe. Nem sequer me chega aqui uma Defesa Civil para coordenar a retirada das vítimas”, lamentou.

Casa onde estava Calebe — Foto: Reprodução/TV Globo
Casa onde estava Calebe — Foto: Reprodução/Rlagos Notícias

Outras vítimas

Na Chacrinha, a vítima foi uma mulher. Até a última atualização desta reportagem, não havia detalhes sobre a identificação dela e a circunstância da morte.

A Prefeitura de Japeri havia contabilizado 5 quedas de barreira, 4 deslizamentos e 7 desabamentos, com 40 desalojados, até a última atualização desta reportagem.

Houve ainda a morte de outra mulher em Barra do Piraí, no sul do RJ. Outras três pessoas estão desaparecidas, sendo um bebê e um casal. Lá, a BR-393 (Rodovia Lúcio Meira) foi interditada após um trecho desabar. A via liga Barra Mansa a Além-Paraíba, passando por Volta Redonda.

Compartilhar no WhatsApp

Por Rlagos Noticias

22 de fevereiro de 2024

Search
Close this search box.

Faça parte do maior grupo exclusivo de noticias da região!

Nosso grupo te da acesso exclusivo as noticias mais quentes e recentes do momento sobre tudo que buscar!