Controladoria de Cabo Frio presta contas dos gastos do município na Câmara Municipal

416

Foi realizado nesta quarta-feira (29) na Câmara Municipal de Cabo Frio, na Região dos Lagos, a Terceira audiência pública do exercício de 2021, a respeito da prestação de contas da gestão do prefeito José Bonifácio (PDT).

Participaram dessa prestação de contas do governo de Zé a secretária de Fazenda Daniella Mendes, Luiz Claudio Gama da Controladoria Geral de Combate à Corrupção, que também presidiu a reunião; e Vinicius Dias, secretário adjunto de receita.

De acordo com a secretária de Fazenda, o município teve uma recuperação de receitas com arrecadações próprias como o IPTU e ISS, por exemplo, que representam cerca de 20% de aumento na arrecadação própria. O objetivo desse trabalho segundo Daniella, é tirar a dependência da cidade do dinheiro arrecadado dos royalties de petróleo.

Daniella Mendes destacou nesse encontro, que em comparação com administração anterior, do ex-prefeito Dr. Adriano Moreno (DEM), a despesa com o funcionalismo público diminuiu, foi de R$555 milhões para R$372 milhões, mostrando o quanto a máquina pública enxugou os seus gastos. Ela também pontuou, que Cabo Frio vive um dos maiores graus de endividamento do Estado do Rio de Janeiro, dívidas adquiridas de governos anteriores.

O ponto alto dessa prestação de contas municipais, foi fato dos números das despesas terem diminuído e os das arrecadações terem tido um aumento considerável.