Search
Close this search box.
Search
Close this search box.
Acusado de matar ex-mulher com tiro na cabeça em Cachoeiras de Macacu é preso

Acusado de matar ex-mulher com tiro na cabeça em Cachoeiras de Macacu é preso

Por Rlagos Notícias

28 de agosto de 2023

Compartilhar no WhatsApp
Luana de Souza Ouverney foi morta quando andava na calçada em Cachoeiras de Macacú — Foto: Imagens câmeras de segurança

Roney Araújo Ouverney, de 41 anos, suspeito de matar Luana de Souza Ouverney, de 39 anos, na última quinta-feira (24), foi preso na madrugada desta segunda-feira (28), no Centro de Cachoeiras de Macacu (RJ), por policiais civis da 159ª Delegacia de Polícia.

🔔 O Rlagos Rio agora está no Comunidades WhatsApp. Clique aqui para participar e para receber as notícias do Grande Rio direto no seu celular!

Luana de Souza Ouverney, vítima de feminicídio em Cachoeiras de Macacu, tinha 39 anos e deixa 4 filhos — Foto: Reprodução redes sociais
Luana de Souza Ouverney, vítima de feminicídio em Cachoeiras de Macacu, tinha 39 anos e deixa 4 filhos — Foto: Reprodução redes sociais

O mandado de prisão temporária contra ele foi expedido pela Vara Criminal da comarca da cidade na última sexta (25), quando passou a ser considerado foragido da Justiça. No sábado (26), um cartaz de procurado chegou a ser divulgado pelo Disque Denúncia.

Roney Araújo Ouverney, de 41 anos, conhecido como Russão, é considerado foragido da Justiça após crime de feminicídio em Cachoeiras de Macacu — Foto: Polícia Civil
Roney Araújo Ouverney, de 41 anos, conhecido como Russão, é considerado foragido da Justiça após crime de feminicídio em Cachoeiras de Macacu — Foto: Polícia Civil

Os policiais encontraram Roney, também conhecido como “Russão”, na rua Lord Baden Powel, na região central da cidade, depois de cruzamento de dados e buscas pela cidade. Ainda segundo a Polícia Civil, ele não resistiu a prisão e foi conduzido à delegacia, ficando à disposição da Justiça.

A Polícia Civil instaurou inquérito para apurar o crime de feminicídio contra Luana, que levou um tiro na cabeça enquanto caminhava pela calçada, na última quinta-feira (24). Segundo a 159ª Delegacia de Polícia, é Roney que aparece nas imagens capturadas por câmeras de segurança na noite do crime.

Ele desembarca da moto, vai com a arma na mão na direção de Luana e atira. Sem tempo para qualquer reação, a vítima cai na calçada e morre no local. Ela deixa quatro filhos, sendo dois do suspeito.

Informações preliminares da polícia dão conta de que o ex dela teria saído de casa motivado por ciúmes, ao saber que Luana estaria bebendo em um bar na companhia de outros homens. No vídeo, é possível ver o movimento do bar no outro lado da rua.

Roney já tinha sido preso em 2022 por lesão corporal e por descumprimento de medida protetiva. Na época, ele ficou preso por quatro meses.

📲 Confira as últimas notícias do Rlagos Notícias
📲 Acompanhe o Rlagos no Facebook , Instagram , Twitter
e Threads

Compartilhar no WhatsApp

Por Rlagos Notícias

28 de agosto de 2023

Search
Close this search box.

Faça parte do maior grupo exclusivo de noticias da região!

Nosso grupo te da acesso exclusivo as noticias mais quentes e recentes do momento sobre tudo que buscar!