Search
Close this search box.
Search
Close this search box.
Vila Isabel encanta a Sapucaí com visão futurista de Enredo clássico

EMOCIONANTE

Vila Isabel encanta a Sapucaí com visão futurista de Enredo clássico

Renovação e Tradição: Paulo Barros Reinterpreta "Gbala - Viagem ao Templo da Criação" com Foco nas Crianças e na Ancestralidade Africana

Por Rlagos Noticias

13 de fevereiro de 2024

Compartilhar no WhatsApp
Vila Isabel foi a terceira escola a desfilar nesta segunda-feira Cleber Mendes / Agência O Dia

RIO – Em uma noite marcada pela inovação e pela reverência à ancestralidade, a Vila Isabel, terceira escola a desfilar no segundo dia do Grupo Especial, trouxe para a Marquês de Sapucaí uma releitura futurista do enredo “Gbala – Viagem ao Templo da Criação”. Originalmente apresentado há 31 anos, o tema foi reimaginado pelo carnavalesco Paulo Barros, conhecido por sua capacidade de inovar e surpreender o público. A agremiação da Zona Norte proporcionou um espetáculo estético de poucos erros e um impressionante desfile de chão, reafirmando a importância das crianças para a construção de um futuro melhor sob a ótica das religiões de matriz africana.

O desfile contou com a presença ilustre de Martinho da Vila, principal nome da escola e compositor do samba-enredo, que celebrou seus 86 anos ao som de parabéns cantado pela comunidade da Vila no aquecimento da Azul e Branca. Sua filha, Mart’nalia, também marcou presença como componente da bateria, junto a celebridades como a cantora Gabi Martins e a rainha de bateria, Sabrina Sato, que se destacaram durante a apresentação.

Apesar do impacto visual e emocional do desfile, a Vila Isabel enfrentou alguns contratempos que podem afetar sua pontuação, como um problema na iluminação da roupa do mestre-sala Marcinho Siqueira, que falhou em um momento crucial em frente à cabine de jurados, além de alguns detalhes de acabamento em suas alegorias.

O samba-enredo da Vila Isabel, embalado pela voz de Tinga, que superou um pico de pressão antes do desfile, e pela bateria comandada pelo mestre Macaco Branco, mostrou-se eficaz e envolvente, capturando a essência do enredo e conduzindo os componentes e o público por uma jornada espiritual e cultural.

O desfile da Vila Isabel na Sapucaí foi um testemunho do poder do Carnaval de unir passado, presente e futuro, celebrando as raízes culturais e espirituais que moldam nossa identidade. Ao destacar as crianças como a esperança de um mundo melhor, a escola não apenas prestou homenagem às tradições afro-brasileiras, mas também enviou uma mensagem poderosa sobre a necessidade de cuidarmos e valorizarmos as próximas gerações. Com sua apresentação memorável, a Vila Isabel reafirma seu lugar no coração do Carnaval carioca, mostrando que a inovação e o respeito pela tradição podem caminhar lado a lado na maior festa popular do Brasil.

Compartilhar no WhatsApp

Por Rlagos Noticias

13 de fevereiro de 2024

Search
Close this search box.

Faça parte do maior grupo exclusivo de noticias da região!

Nosso grupo te da acesso exclusivo as noticias mais quentes e recentes do momento sobre tudo que buscar!