GAT, fecha internet do tráfico do bairro do Jacaré e após denúncias em Cabo Frio; Veja o vídeo

De acordo com denúncia recebida pelos agentes do Grupamento de Ações Táticas, moradores do Jacaré eram coagidos a usar apenas o serviço de uma empresa enquanto cabos e fios de empresas concorrentes eram arrancados.

416

Agentes do 25º Batalhão de Polícia Militar apreenderam materiais de uma empresa de internet nesta terça-feira (25) em Cabo Frio, na Região dos Lagos do Rio, após receberem denúncia informando que moradores do bairro Jacaré estavam sendo coagidos a usar apenas o serviço de uma empresa de internet.

Segundo o Grupamento de Ações Táticas (GAT), durante o relato da denúncia, foi informado ainda que os moradores eram coagidos por pessoas ligadas ao tráfico de drogas e que os cabos e fios de empresas concorrentes eram arrancados.

Ao se dirigir ao local da denúncia, os agentes do GAT localizaram um suspeito, que “admitiu trabalhar para uma determinada empresa”, e, de forma espontânea, levou os agentes até a central de distribuição de sinal de internet.

Após contato com a 126ª Delegacia de Polícia, o local foi periciado e o material apreendido, ficando a cargo da 126ª DP. O suspeito foi ouvido e liberado, segundo a PM.