EXCLUSIVO | Atacante Wesley Pratti da Cabofriense dá uma entrevista exclusiva para o Rlagos Notícias.

322

O atacante Wesley Pratti está de volta a Cabofriense para essa temporada de 2022. Depois de uma breve passagem pelo sub-20 do Botafogo, a promessa do Tricolor Praiano retornou ao clube com fome de bola e sede de gol.

A equipe do Rlagos Notícias fez uma entrevista exclusiva com o atleta, que revelou pra gente o porquê não ficou no Glorioso carioca, do seu sonho de jogar na Europa e ir pra seleção brasileira.

Com muita humildade, Wesley afirmou que veio pra Cabofriense para somar. E que o seu maior objetivo é ajudar o time a ter o acesso a série A do Cariocão do ano que vem.

Rlagos- Você é de Cabo Frio?

Wesley- Não, sou do Espiríto Santo, Vila Velha.

Rlagos- Como você virou jogador de futebol? Foi um sonho de criança?

Wesley- Antes eu jogava em uma escolinha lá em Vila Velha, e meu treinador me trouxe para a Cabofriense com 15 anos pra fazer um teste aqui, a diretoria e o treinador gostaram de mim, e eu acabei ficando aqui. Desde criança sempre tive esse sonho, e aqui eu vi que podia ser uma porta pra começar a realizar meu sonho.

Rlagos- Você foi pro Botafogo no final de 2020, como foi essa experiência? Por que retornou pra Cabofriense?

Wesley- Foi uma experiência incrível, assinei meu primeiro contrato de 3 anos com a Cabofriense, e fui de empréstimo para o Botafogo. Foi um dos meus sonhos realizados, assinar meu primeiro contrato profissional.
Infelizmente, chegando lá, tive uma lesão que me deixou 5 meses parado, e isso me atrapalhou muito. E acabei não tendo muita oportunidade e o contrato com o Botafogo acabou, e tive que retornar para a Cabofriense.

Rlagos- Atacante vive de gol, qual é a sua expectativa para essa temporada na Cabofriense?

Wesley- Bom, acho que vai ser uma temporada bastante disputada, mas nós estamos trabalhando dia após dia para conseguirmos o acesso a serie A do Carioca. Acredito que nosso elenco tem capacidade para isso.

Rlagos- Qual é o seu maior sonho, ir pra Europa, chegar a seleção brasileira ou os dois?

Wesley- Meu maior sonho é ir pra Europa, conquistar muitas coisas lá, dar um futuro melhor pra minha família, e se Deus quiser um dia jogar pela seleção brasileira.

Rlagos- Onde você se senti mais à vontade no campo? Jogaria de centroavante ou você prefere mesmo jogar pelas pontas?

Wesley- Onde eu me sinto mais à vontade é pelo lado do campo, independente do lado, gosto de pegar a bola e arrastar indo pra cima dos adversários.

Rlagos- Gostaríamos, que você deixasse um recado para a torcida da Cabofriense.

Wesley- Fala galera, queria dizer que vim pra cá para somar, estamos em busca do mesmo objetivo, que é o acesso a série A do carioca. Eu garanto que não vai faltar dedicação nem força de vontade. Vamos juntos para esse desafio!!!