Search
Close this search box.
STF mantém prisão do delegado Rivaldo Barbosa, acusado de envolvimento na morte de Marielle Franco

CASO MARIELLE

STF mantém prisão do delegado Rivaldo Barbosa, acusado de envolvimento na morte de Marielle Franco

Alexandre de Moraes nega pedido de liberdade feito pela defesa do ex-chefe de Polícia Civil entendendo que há risco à ordem pública e cita periculosidade

Por Rlagos Noticias

18 de maio de 2024

Compartilhar no WhatsApp
Delegado Rivaldo Barbosa foi preso no dia 24 de março Fernando Frazão / Agência Brasil

Rio – O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), manteve, nesta sexta-feira (17), a prisão do delegado Rivaldo Barbosa, acusado de participação no assassinato da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes.

🔔 O Rlagos Rio agora está no Canal do WhatsApp: Clique aqui para seguir o novo canal do Rlagos Notícias no WhatsApp

Na decisão, o ministro negou pedido de liberdade feito pela defesa de Rivaldo entendendo que há um risco à ordem pública e à aplicação da lei penal caso o delegado responda o processo em liberdade. Moraes também citou um alto nível de periculosidade social e a gravidade das condutas atribuídas ao ex-chefe da Polícia Civil do Rio.

Como justificativa, Moraes lembrou que, de acordo com as provas que embasaram o pedido de prisão contra o delegado, Rivaldo se associou aos irmãos Chiquinho e Domingos Brazão, acusados de serem os mandantes do crime, para garantir a impunidade da dupla.

O ministro também destacou que Barbosa teria exigido dos executores, o ex-policial militar Ronnie Lessa e Edmilson Oliveira da Silva, o Macalé, que a execução não fosse feita na Câmara dos Vereadores, para evitar que a investigação fosse conduzida por órgãos federais, e não por ele. Para Moraes, a suposta relação entre Rivaldo e a milícia do Rio, com base em elementos narrados pela Polícia Federal e pela Procuradoria-Geral da República, revelam sua elevada periculosidade. 

“Rivaldo Barbosa teria sido um dos arquitetos de toda a empreitada criminosa e peça fundamental em sua execução. Assim, detém conhecimento sobre todos os elementos probatórios nucleares para a investigação, de modo que poderá, em liberdade, empreender esforços com o fim de afastá-los do alcance da Polícia Judiciária”, escreveu Moraes.

Atuação de Rivaldo Barbosa no Caso Marielle

O delegado foi preso no dia 24 de março após investigações da Polícia Federal apurarem seu envolvimento nas mortes de Marielle Franco e Anderson Gomes, ocorridas em março de 2018. Ele teria tentado obstruir as investigações dos assassinatos. Barbosa assumiu o cargo de chefe de Polícia Civil um dia antes das mortes. Antes, Rivaldo era coordenador da Divisão de Homicídios da corporação.

Além de tentar atrapalhar a apuração do caso, o delegado também teria planejado “meticulosamente” o crime a mando da família Brazão. A Polícia Federal apurou que, durante o planejamento, Rivaldo proibiu que o atentado fosse realizado no trajeto de chegada ou saída da Câmara dos Vereadores do Rio. De acordo com a investigação, Rivaldo queria evitar possíveis pressões à Polícia Civil caso o crime tivesse conotação política.

Segundo a PF, antes mesmo de assumir o cargo de chefe de Polícia Civil, o delegado teria combinado com Domingos e Chiquinho Brazão, acusados de serem os mandantes do crime, que também foram presos em março, a não identificação dos responsáveis pela ordem do assassinato de Marielle Franco.

Barbosa também é suspeito de receber propina para obstruir as investigações sobre o crime. Rivaldo teria recebido aproximadamente R$ 400 mil para evitar que as apurações sobre os mandantes avançassem. Tal informação consta em relatório de 2019.

No final de abril, o delegado pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF) para depor em relação ao caso. Sua defesa alega que ele e a mulher, Erika Araújo, não foram ouvidos durante o processo.

📲 Confira as últimas notícias do Rlagos Notícias
📲 Acompanhe o Rlagos no Facebook Instagram , Twitter
 e Threads

Compartilhar no WhatsApp

Por Rlagos Noticias

18 de maio de 2024

Search
Close this search box.

Faça parte do maior grupo exclusivo de noticias da região!

Nosso grupo te da acesso exclusivo as noticias mais quentes e recentes do momento sobre tudo que buscar!