Carro que que empresário foi executado dentro de comunidade em São Pedro da Aldeia custa mais de R$ 600 mil reais.

874

SÃO PEDRO DA ALDEIA – O carro que Wesley Pessano foi executado na tarde de quarta-feira (04), em São Pedro da Aldeia na Região dos Lagos do Rio, custava mais de R$: 600 mil reais.

O veículo é um carro de luxo e muito raro de ser visto na Região dos Lagos.

Wesley era Trade do Ramo de Criptomoedas e dava curso na área de criptomoeda

Wesley tinha mais de 124 mil seguidores no Instagram, onde se apresentava como “trader” do mercado financeiro e dava dicas sobre investimento. Na descrição do perfil, ele prometia “liberdade financeira aos 18”.

Na página, além do aconselhamento, o influenciador também costumava compartilhar uma vida de riqueza, com fotos de carros de luxo e viagens. O Porsche no qual ele foi morto, que também aparece em imagens na rede social, está avaliado em mais de R$ 440 mil. Em um dos registros postados, ele está com o que parece ser diversos maços de dinheiro em espécie ao lado da cabeça.

Na última foto publicada no feed, há quatro dias, ele aparece justamente ao lado do conversível vermelho em que acabou morto. Na legenda, Wesley escreveu: “Antes eram poucos sapatos, hoje até gente tem no meu pé”. O influencer talvez fez postagens nos stories horas antes de ser assassinado, nas quais aparece monitorando e comentando investimentos e também correndo em uma esteira.

Wesley também possuía um canal no Youtube chamado Pessano Trader, onde se apresentava como “rei do pullback”, expressão do mercado de ações que, a grosso modo, indica o melhor momento para comprar ou vender ativos que sofreram grande desvalorização. O canal somava quase 14 mil inscritos e um total de 204 mil visualizações.