Search
Close this search box.
Search
Close this search box.
Resgate de 28 aves silvestres em Saquarema por ação do Inea

Resgate de 28 aves silvestres em Saquarema por ação do Inea

Por Rlagos Noticias

30 de novembro de 2023

Compartilhar no WhatsApp
Operação de combate ao cativeiro ilegal de aves silvestres em Saquarema impede comercialização ilegal em feiras de Acari e Duque de Caxias.

Em uma operação crucial para a conservação da vida selvagem, o Instituto Estadual do Ambiente (Inea), através da Superintendência Lagos São João, resgatou 28 aves silvestres mantidas ilegalmente em cativeiro em Saquarema, Região dos Lagos. A ação ocorreu nesta quarta-feira e veio como resposta a uma denúncia anônima recebida pela superintendência.

A equipe do Inea realizou uma vistoria em uma residência localizada na Rua Isaltina Porto, no bairro de Bacaxá, onde encontraram as aves, incluindo espécies como trinca-ferro, tizius, coleiros e canários da terra, aprisionadas em condições precárias e em gaiolas extremamente pequenas. Esses animais, segundo informações, estariam destinados para a comercialização nas feiras de Acari e de Duque de Caxias. Durante a fiscalização, o proprietário da residência conseguiu evadir-se do local.

As aves foram cuidadosamente recolhidas pela equipe do Inea e encaminhadas para avaliação veterinária. Se constatado que estão em boas condições de saúde, será organizado o retorno desses animais ao seu habitat natural, um passo essencial na preservação de suas espécies e do ecossistema local.

Philipe Campello, presidente do Inea, ressaltou a importância das ações de fiscalização e das iniciativas de educação ambiental para a preservação da biodiversidade. Ele também destacou a relevância da participação da população, cujas denúncias têm sido fundamentais para o sucesso das operações de combate a práticas ilegais contra o meio ambiente.

Este resgate em Saquarema é um exemplo expressivo dos esforços contínuos das autoridades ambientais do estado do Rio de Janeiro para proteger a fauna local. O Inea continua a promover uma abordagem ativa e educativa, visando a conscientização pública e a prevenção de crimes ambientais.

O público é encorajado a participar ativamente desses esforços, reportando suspeitas ou casos confirmados de crimes ambientais. Para isso, o Linha Verde permanece disponível, com números específicos para contato tanto na capital quanto no interior do estado. As denúncias são um componente chave para a preservação ambiental e para garantir que a biodiversidade do Rio de Janeiro continue a prosperar.

Compartilhar no WhatsApp

Por Rlagos Noticias

30 de novembro de 2023

Search
Close this search box.

Faça parte do maior grupo exclusivo de noticias da região!

Nosso grupo te da acesso exclusivo as noticias mais quentes e recentes do momento sobre tudo que buscar!