Search
Close this search box.
Governo da Vergonha: Prefeito de Três Rios, Joa Barbaglio, recebe mais de R$ 180 milhões em três anos de gestão e falta “educação, saúde e Infraestrutura” na cidade

GOVERNO DA VERGONHA

Governo da Vergonha: Prefeito de Três Rios, Joa Barbaglio, recebe mais de R$ 180 milhões em três anos de gestão e falta “educação, saúde e Infraestrutura” na cidade

Vereadora Boa Bogossian Interage com População e Levanta Dúvidas Sobre a Administração do Prefeito Joa Barbaglio

Por Rlagos Noticias

15 de maio de 2024

Compartilhar no WhatsApp
O prefeito de Três Rios, Joa Barbaglio, perde o seu partido, e o do vice, para o principal adversário / Reprodução

TRÊS RIOS – Uma cidade marcada por expectativas de desenvolvimento devido aos significativos montantes recebidos como royalties do petróleo, a realidade parece não corresponder aos mais de R$ 170 milhões acumulados durante a atual gestão do prefeito Joa Barbaglio. Esta cifra notável, embora indique um potencial para melhorias substanciais em setores críticos como educação, saúde e infraestrutura, aparenta ter sido mal administrada, segundo críticos da gestão atual.

🔔 O Rlagos Rio agora está no Canal do WhatsApp: Clique aqui para seguir o novo canal do Rlagos Notícias no WhatsApp

A vereadora Boa Bogossian tomou as ruas de Três Rios para dialogar diretamente com os cidadãos, buscando compreender e amplificar a percepção popular sobre o emprego desses recursos. “Nunca na nossa história Três Rios recebeu tanto dinheiro dos royalties do petróleo. Você está vendo esse dinheiro à vontade?”, questionou a vereadora durante suas conversas com a população.

A resposta parece ser um ressonante “não”. Muitos moradores expressaram frustração com a falta de avanços visíveis e com a ausência de obras de infraestrutura essenciais. “Está faltando muita coisa para a saúde aqui”, comentou um dos entrevistados, destacando a escassez de médicos e medicamentos. Outra preocupação mencionada foi a de obras inacabadas, que sugerem uma possível descontinuidade ou má gestão dos projetos.

Além disso, a vereadora destacou a utilização questionável de parte dos fundos, como os mais de 10 milhões destinados para desapropriações de terrenos que, até o momento, permanecem sem uso. Outras quantias foram alocadas para projetos como a construção de casas populares, que também não foram concretizadas.

Diante desse cenário, Boa Bogossian enfatiza a necessidade de uma administração mais eficiente e transparente. “Uma dona de casa sabe o que é prioridade”, comparou, insinuando que a prefeitura deveria adotar uma postura mais responsável e focada nas necessidades reais da comunidade.

À medida que se aproximam as eleições, a pressão sobre o governo local tende a aumentar, com a população exigindo não apenas a conclusão das obras já iniciadas, mas também uma gestão que verdadeiramente honre o potencial dos recursos recebidos. A gestão de Joa Barbaglio, rotulada por alguns como “Governo da Vergonha”, enfrenta agora o desafio de restaurar a confiança de seus eleitores, demonstrando que pode, de fato, transformar os royalties em benefícios tangíveis para Três Rios.

📲 Confira as últimas notícias do Rlagos Notícias
📲 Acompanhe o Rlagos no Facebook Instagram , Twitter
 e Threads

Compartilhar no WhatsApp

Por Rlagos Noticias

15 de maio de 2024

Search
Close this search box.

Faça parte do maior grupo exclusivo de noticias da região!

Nosso grupo te da acesso exclusivo as noticias mais quentes e recentes do momento sobre tudo que buscar!